Levante Ideias - Congresso Nacional

Semana cheia

Nem o feriado da última sexta-feira (9) foi capaz de apaziguar os ânimos em Brasília.

O presidente Bolsonaro voltou a endurecer o discurso contra outros Poderes ao criticar a CPI da Covid-19 e o TSE (Tribunal Superior Eleitoral), presidido atualmente pelo ministro do STF, Luís Roberto Barroso.

As declarações fortes do presidente – de que as eleições de 2022 já estariam manipuladas, que ele não deve satisfação à “CPI picareta”, entre outras – levaram a uma reação à altura de autoridades políticas.

Os presidentes da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), condenaram a atitude do presidente e reiteraram o compromisso do Legislativo com a estabilidade, enquanto ministros do STF repudiaram os ataques ao colega de corte.

Ao mesmo tempo, o Congresso Nacional entra em sua última semana antes do recesso parlamentar, que deve ocorrer entre o dia 17 de julho e 1º de agosto.

Para que o recesso ocorra, deputados e senadores deverão aprovar a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), mas há um esforço conjunto para que o projeto tramite com rapidez.

Nesta segunda (12), por exemplo, a CMO (Comissão Mista de Orçamento) votará o parecer preliminar da proposta e a expectativa é de aprovação.

Entre quarta (14) e sexta (16), a CMO vota o parecer final e encaminha para o Plenário do Congresso para deliberação dos parlamentares.

Além disso, a agenda da Câmara também traz temas relevantes para o mercado: na terça-feira (13), o projeto de lei que limita os “supersalários” do funcionalismo público deve ser votado e aprovado pelos deputados.

No mesmo dia, espera-se parecer da segunda fase da reforma tributária, que versa sobre tributos de renda, por meio do relatório do deputado Celso Sabino (PSDB-PA).

Por fim, a CPI da Covid segue com seus trabalhos e deve ouvir outros supostos envolvidos na compra ilegal de vacinas.

Estão na lista de convocados para depor os nomes de Emanuela Medrades, representante da Precisa Medicamentos; Marcelo Blanco, tenente-coronel e ex-assessor do Departamento de Logística do Ministério da Saúde; e Cristiano Hossri Carvalho, representante da Davati no Brasil.

E Eu Com Isso?

A semana começa com tudo na política e deve fazer preço nos pregões seguintes.

O presidente Bolsonaro voltou a abrir sua caixa de ferramentas – coisa que não fazia há algum tempo – para elevar a tensão política e tentar reaquecer suas bases, haja vista a queda de sua popularidade nas recentes rodadas de pesquisa.

Fique atento aos novos desdobramentos.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: O risco internacional está maior | Domingo de Valor.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Levante Ideias - Federal Reserve
E eu com isso

O Fed e a China

A terça-feira (27) começa com os mercados sob forte expectativa do que vai ocorrer nas principais economias. Há pontos que demandam atenção nos Estados Unidos,

Read More »
Levante Ideias - Dinheiro
E eu com isso

Veto ao fundão

O presidente Bolsonaro confirmou, nesta segunda-feira (26), que deve vetar o montante de R$ 5,7 bilhões destinados ao Fundo Especial de Financiamento de Campanhas (mais

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel