Levante Ideias - Netflix

Netflix: Willy Wonka, a aquisição de 500 milhões de euros

De acordo com notícias de mercado reveladas nesta quarta-feira (22), a última aquisição realizada pela Netflix (NFLX), cujo alvo foram as obras da família Roald Dahl, custaram aproximadamente € 500 milhões.

Os direitos associados englobam várias franquias de sucesso para o público infantil e adulto, como “Charlie e a Fábrica de Chocolate”, “Danny, o Campeão do Mundo”, “O BGA “.

O catálogo já vendeu mais de 300 milhões de cópias no mundo. Uma vez confirmada oficialmente, esta será a maior aquisição da história da companhia.

Meses atrás, a companhia anunciou também a introdução da série “Seinfeld” na sua biblioteca, o que ajudou a impulsionar o preço das suas ações após os resultados “mornos” do 2T21.

Ademais, a aquisição definitiva da propriedade literária da Dahl ocorre três anos depois de que foi fechado um acordo com a Netflix para produzir conteúdo de animação baseado nas obras do autor.

Os títulos de Dahl, que também incluem Boy e “O Fantástico Senhor Raposo”, foram traduzidos para dezenas de idiomas nas últimas décadas.

E Eu Com Isso?

A notícia é positiva para os acionistas da Netflix (NFLX), muito embora haja uma baixíssima visibilidade se a aquisição foi realizada a preços razoáveis.

De qualquer forma, a interpretação do mercado deve levar mais em conta os aspectos estratégicos e a sinergia envolta da aquisição dos direitos destas franquias.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Resultados da Netflix (NFLX) do 2T21.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.