Levante Ideias - Criptomoedas

Grande demais para ignorar

A expressão “grande demais para quebrar” nasceu durante a crise do subprime americano de 2008. A falência do banco de investimentos Lehman Brothers em setembro daquele ano provocou um solavanco sem precedentes nas finanças internacionais. Por isso, nasceu um consenso de que as grandes instituições financeiras não poderiam quebrar.

O socorro representava um conflito de agenda. O governo teria de gastar dinheiro dos contribuintes para resolver um problema causado por má gestão. No limite, tirando dinheiro de saúde e educação para socorrer executivos e investidores. Porém, isso era um mal menor, comparado ao que poderia ocorrer com a economia como um todo se um grande banco de varejo quebrasse.

Por que essa história conhecida em plena manhã de sexta-feira? Porque uma rápida leitura do noticiário sobre criptomoedas mostra que esse mercado se tornou grande demais para ignorar. Vejamos três notícias que circularam em apenas 24 horas, todas elas envolvendo autoridades governamentais:

– na quinta-feira (13), o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, disse que a Prefeitura carioca pretende lançar uma criptomoeda, o Cripto Rio, e aplicar 1% dos recursos do Tesouro municipal em criptomoedas. Além disso, o município pretende incentivar o pagamento de impostos com Bitcoins, aumentando o desconto do IPTU. Tudo isso destina-se a atrair não só recursos, como também empresas de tecnologia para o Porto Maravilha, central tecnológica mantida pela Prefeitura.

– também na quinta-feira (13), o Comitê de Energia e Comércio da Câmara dos Deputados americana anunciou que vai realizar uma audiência no dia 20 de janeiro para discutir o consumo de energia pelo setor de criptomoedas. O deputado democrata Frank Pallone, que preside o Comitê, disse que é preciso analisar os “fortes impactos energéticos e ambientais” que as criptomoedas exercem sobre o meio ambiente, e se é possível que sua mineração use energia mais limpa.

– na madrugada da sexta-feira (14), um jornal do Paquistão divulgou um estudo de autoridades locais para proibir as criptomoedas no país. Diretores do ministério das finanças, do banco central e da comissão de valores mobiliários do Paquistão estão estudando maneiras de impedir os negócios. Em 2018, os bancos paquistaneses haviam sido proibidos de negociar com exchanges de criptomoedas. Agora, a intenção é proibir totalmente os negócios.

Em si, mais declarações de intenções do que propostas concretas. No entanto, essas três notícias, provenientes de três pontos do mundo distantes entre si, confirmam algo que a Fernanda Guardian, especialista de criptomoedas da Levante Ideias de Investimentos vem dizendo há tempos. O movimento de migração desses ativos para a economia “tradicional” é inexorável.

Mesmo uma notícia aparentemente “ruim” como o banimento pelo governo paquistanês confirma isso. O Paquistão não é um país sem importância. Seu Produto Interno Bruto é de US$ 262 bilhões, maior que o do Chile e que o de Portugal. E o fato de o governo estar preocupado com o impacto das criptomoedas na economia confirma que esses ativos entraram de vez na agenda dos governos.

Ou seja, é um mercado grande demais para você ignorar. E pode contar com as análises da Fernanda para trilhar um caminho lucrativo nesse universo novo e promissor.

Indicadores

O volume de vendas do varejo cresceu 0,6% em novembro, na comparação com o mês anterior (0,2%). Mesmo com o avanço, mais da metade das atividades tiveram resultado negativo no período. No ano, o varejo acumula alta de 1,9% e nos últimos doze meses crescimento de 1,9%. Os dados são da PMC (Pesquisa Mensal de Comércio), divulgada nesta sexta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

E Eu Com Isso?

A sexta-feira começa com leves baixas nos contratos futuros do Ibovespa e do índice americano S&P 500 em um movimento de ajuste após a volatilidade elevada registrada ao longo da semana, que deve continuar.

As notícias são negativas para a Bolsa em um cenário de volatilidade.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Os desafios locais e globais não dão trégua | Denise Campos de Toledo.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Recomendado para você

Crypto 101

Altcoins: A melhor opção para o Halving? | Crypto 101

Participe da Comunidade Levante Crypto agora mesmo e fique por dentro das principais notícias desse mercado: https://lvnt.app/uvwfup

Hoje em dia, com o Bitcoin já tendo ocupado seu espaço de mercado, muitas pessoas buscam outras moedas digitais para investir.

Afinal, criptos mais baratas – e fora do radar – possuem um potencial muito maior que o vovô das criptos.

É aí que entram as Altcoins, que cada vez mais vêm ganhando espaço no mercado cripto.

Read More »
Crypto 101

3 Criptos de Inteligência Artificial com alto potencial em 2024 | Crypto 101

Atualmente, é necessário ir além do Bitcoin e do Ethereum para conseguir lucrar de verdade no mercado Cripto, que já começa a se movimentar como uma indústria cada vez mais robusta.
Neste contexto, o setor de Inteligência Artifical em Criptomoedas se apresenta como um dos mais promissores na nova indústria, e projetos como $OCEAN (Ocean Protocol), $FET (Fetch.ai) e $PAAL (Pluto Protocol) emergem como líderes na integração dessas tecnologias de ponta.

Participe da Comunidade Levante Crypto agora mesmo e fique por dentro das principais notícias desse mercado: https://lvnt.app/uvwfup

Read More »
Crypto 101

Ganhe Criptomoedas DE GRAÇA: Conheça os Airdrops de Criptos | Crypto 101 

Airdrops de Criptomoedas é o assunto que vem parando o mercado cripto. Como assim, é possível ganhar criptomoedas DE GRAÇA?!

Basicamente, Airdrops são caracterizados pela distribuição gratuita de tokens para detentores de uma determinada criptomoeda ou membros de uma comunidade específica.

Pela importância que o assunto vem tomando, no Crypto 101 de hoje, vamos abordar as principais características dos airdrops em artigo exclusivo.

Read More »
Crypto 101

O que é Staking de Criptomoedas e como fazer na prática? | Crypto 101

Staking de criptomoedas é um processo pelo qual os detentores de determinadas moedas digitais participam da validação e do consenso das transações em suas respectivas redes blockchain. Em essência, é a prática de bloquear uma certa quantidade de criptomoedas em uma carteira específica para apoiar as operações da rede.

Hoje em dia, para quem busca novas maneiras de operar Cripto, o Staking de Criptomoedas é uma maneira inovadora e com alto potencial.

Participe da Comunidade Levante Crypto agora mesmo e fique por dentro das principais notícias desse mercado: https://lvnt.app/uvwfup

Read More »
Crypto 101

Como Montar uma Carteira de Criptomoedas | Crypto 101

Com o avanço do universo cripto, saber como montar uma Carteira de Criptomoedas se torna cada vez mais importante.
Afinal, não é só escolher qualquer moeda digital e investir, certo?
Por isso, no Crypto 101 desta semana, vamos passar pelos tópicos mais importantes sobre o assunto.

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.