Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Votação de projeto contra “fake news” é adiada

Após não haver consenso entre parlamentares, o Projeto de Lei (PL) 2.630/2020, que visa combater a disseminação de conteúdos falsos, foi retirado de pauta nesta terça (2) pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

O relator do parecer, senador Ângelo Coronel (PSD-BA), atrasou propositalmente a entrega do novo texto, uma vez que o texto original foi mal recebido por diversas organizações da sociedade civil e também por aliados do governo. O projeto é controverso e senadores precisam de mais tempo para ter certeza de que respeitarão a linha tênue entre regulação e censura.

Por conta de uma atribuição tardia do relator do parecer, a minuta do texto criava ainda mais regras para o combate às “fake news” e tornava restritivo o uso das mídias digitais. Logicamente, ela foi rechaçada por senadores e considerada abusiva no que se refere à liberdade de expressão.

Agora, os senadores devem buscar deputados para construir um texto consensual entre as Casas e, assim, facilitar a tramitação. A votação do PL 2.630, agora, ficará para depois do dia 10 de junho, quando o Supremo Tribunal Federal vai julgar, em plenário, ação que questiona a validade do inquérito das “fake news”.

O tema é bastante delicado e deve se arrastar ainda por um tempo no Congresso Nacional, apesar do inquérito envolvendo grupos ligados ao Planalto. O crime praticado na internet deve ser combatido, mas respeitando sempre a liberdade de expressão e sem cercear direitos do cidadão – por isso, um debate mais aprofundado e coeso é necessário e positivo.

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Leia também: Maia cobra liderança mais conciliadora

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

E eu com isso

STF decide reeleição

Como esperado, já se iniciou o julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF) para definir se os presidentes da Câmara e do Senado podem concorrer à

Read More »
eletrobras
E eu com isso

Privatização da Eletrobras

Uma das medidas mais urgentes para conter o avanço da dívida pública nos próximos anos é a venda de ativos e privatizações por parte do

Read More »
E eu com isso

Aquisição do Grupo Dasa

Na quinta-feira (03), após o fechamento do mercado, o grupo Dasa (DASA3) comunicou a aquisição do Grupo Leforte, dono de três hospitais e de cinco

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel