CSN (CSNA3) - Levante Investimentos

Resultado da CSN (CSNA3) do 1T21

Na noite desta quarta-feira (28), a Companhia Siderúrgica Nacional (CSNA3), divulgou seus resultados do 1T21, após o fechamento de mercado. O resultado foi forte e veio acima das expectativas em termos de Ebitda e lucro líquido.

O trimestre foi marcado por mais um período de números recordes em todos os segmentos, aliando volumes de vendas maiores com preços nas alturas.

Desta vez o principal destaque ficou com o segmento de siderurgia (fabricação e venda de aço), com ganho de participação na contribuição total do resultado, principalmente pelo aumento da produtividade com o religamento de altos-fornos e preços realizados maiores no aço, O segmento de minério de ferro também apresentou resultados impressionantes, com margem recorde também.

A receita líquida total da companhia alcançou 11,9 bilhões de reais, 22 por cento superior ao trimestre anterior e 123 por cento maior na comparação anual, com vendas puxadas pela forte demanda no mercado doméstico, sobretudo pelas paradas sazonais na China que reduziram as exportações, relativamente ao volume total vendido, tanto de aço, como de minério de ferro.

O Ebitda ajustado por efeitos não-recorrentes (métrica da geração de caixa operacional bruta), alcançou um recorde de 5,8 bilhões de reais, 23 por cento superior ao 4T20 e mais de 3 vezes o valor obtido no 1T20. A margem Ebitda também cresceu, saindo de 47 por cento no trimestre anterior para 47,7 pontos percentuais. A contribuição do Ebitda da siderurgia aumentou de 26,8 por cento no trimestre anterior para 31 por cento neste 1T21.

A CSN ainda apresentou um fluxo de caixa livre de 3,5 bilhões de reais, contando com os recursos líquidos do IPO da CSN Mineração (CMIN3). Dessa forma, a dívida líquida da CSN foi reduzida para 20,5 bilhões de reais no trimestre, redução de 5,1 bilhões em relação ao 4T20. A companhia conseguiu reduzir o seu nível de endividamento, com relação entre dívida líquida sobre Ebitda de 1,29 vezes.

E Eu Com Isso?

A CSN (CSNA3) parece ter conseguido tirar o que tem de melhor nesse ciclo combinado de aço com minério de ferro, assim como seus principais pares do mercado, que já apresentaram seus resultados do 1T21 (Vale – VALE3 e Usiminas – USIM5).

Além dos preços em patamares que não se viam há muito tempo, o câmbio em patamares altos e forte demanda por aço no mundo todo, jogaram os resultados da companhia em níveis recordes, possibilitando a rápida desalavancagem e forte geração de caixa da companhia.

Esperamos um impacto positivo no preço das ações da companhia (CSNA3) no curto prazo, embora os papéis tenham registrado forte alta recentemente, à espera de um resultado forte. Mesmo contando com o resultado acumulado nos últimos 12 meses (olhando para o passado), os múltiplos da companhia seguem abaixo do nível histórico.

Se olharmos para uma perspectiva futura, o correto a se fazer para avaliar um ativo, os números parecem ainda mais promissores. Em termos de mercado, os preços do aço continuarão em alta, com anúncios de reajustes já realizados em abril e mais um vindo no mês de maio, além da continuidade da demanda forte por aço e consequentemente do minério de ferro na China, que tem o objetivo de dobrar seu PIB até o ano de 2035, preparando o terreno com investimentos pesados em infraestrutura e construção.

Em adição temos os países desenvolvidos do norte voltando a investir na indústria pesada para reativar a economia e modernizar o seu parque de infraestrutura, sobretudo nos EUA.

Olhando para o lado da companhia, o religamento de altos-fornos e reajustes de preços do aço subsequentes, permitem um ganho de margens superiores ao aumento de custos por conta sobretudo do minério de ferro, dando continuidade à forte geração de caixa e redução cada vez maior da alavancagem.

É possível também que, no ritmo atual de resultados, haja um pagamento de dividendos extraordinários neste ano, dado que os investimentos necessários não têm previsão de mudar de patamar, além do perfil de endividamento controlado, devido aos pré-pagamentos realizados, gerando um excedente de caixa robusto para destinar aos acionistas.

Por último, a companhia anunciou Fato Relevante com a intenção de fazer a abertura de capital da CSN Cimentos.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

Para ficar por dentro do universo dos investimentos de maneira prática, clique abaixo e inscreva-se gratuitamente!

e-eu-com-isso

Leia mais sobre a empresa: CSN (CSNA3): Resultados do 4T20 e de 2020.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Arthur Lira na Câmara dos Deputados - Levante Investimentos
E eu com isso

Sem reforma tributária

No mesmo dia em que o relatório da reforma tributária foi lido na comissão mista, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), declarou

Read More »
Logo XP
E eu com isso

Resultado da XP (XP) do 1T21

A XP Inc (XP) apresentou nesta terça-feira (04), após o fechamento do mercado, os seus resultados do primeiro trimestre de 2021. A companhia já havia

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel