(Fonte: Shutterstock)

Petrobras (PETR4): Acordo com Odebrecht permite venda de participação na Braskem (BRKM5)

Apesar do momento de incerteza que o mundo vem enfrentando devido às complicações provocadas pelo Covid-19 a Petrobras (PETR4) mantém seu interesse na venda de sua participação da Braskem (BRKM5) na bolsa de valores.

Além disso o CEO da Petrobras, Roberto Castello Branco, confirmou que a empresa continua buscando vender o restante da participação de 37,5 por cento das ações que detém na BR Distribuidora, porém irá esperar uma melhor oportunidade de mercado.

A notícia é positiva para ações da Petrobras no médio e longo prazo, já que mostra o empenho da companhia em se desfazer de ativos não essenciais e melhorar sua estrutura de capital e reduzir nível de endividamento. Entretanto, o impacto de curto prazo no preço das ações deverá ser pequeno, já que devido ao cenário de incertezas as ações tem se comportado de maneira alinhada com as variações do petróleo.

Hoje a petroleira tem 36,1 por cento da participação total da Braskem, sendo que outros 38,3 por cento estão com a Odebrecht. O plano da Petrobras, é de unificar a classe de ações, hoje existem ações preferenciais e ordinárias da Braskem, com migração para o novo mercado e após isso realizar a venda de sua participação.

A Odebrecht que antes vinha dificultando as tratativas para a unificação das ações e consequente venda da participação pela Petrobras parece ter mudado de ideia, pelo menos foi o que Roberto Castello Branco afirmou em conferência online.

A relutância da Odebrecht em apoiar a consolidação das ações da Braskem (BRKM5) e a consequente venda à mercado da participação da Petrobras (PETR4) girava em torno do medo da desvalorização das ações da petroquímica, já que elas estavam dadas em garantias de empréstimos tomados pela Odebrecht junto a bancos, porém em recente renegociação parte do plano de pagamento desses empréstimos será dado com a venda, pela Odebrecht de sua participação. 

A venda de participação da Petrobras na Braskem é um catalisador importante para o preço das ações da petroleira estatal.

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Leia também: Petrobras (PETR3, PETR4): Apreensão geopolítica derruba preço do petróleo

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Recomendado para você

Artigos

Resultados do 2T20 da CVC

A CVC (CVCB3) apresentou nesta segunda-feira (20), após o fechamento do mercado e com atraso, seus resultados do segundo trimestre de 2020. Como era de

Read More »
Política Sem Aspas

O desafio do teto – parte I

No Comentário de nº 9 da Instituição Fiscal Independente, “Considerações sobre o teto de gastos da União”, Felipe Salto, Daniel Couri e Josué Pellegrini recortam

Read More »
Fechar Menu

Fechar Painel