Levante Ideias - Burger King

Burger King incorpora Domino’s Brasil

Na última sexta-feira (09), a master franqueadora das bandeiras Burger King e Popeye’s no Brasil (BKBR3) divulgou em Fato relevante a associação com a Domino’s Pizza Brasil, controlada atualmente pela gestora Vinci Partners (NASDAQ: VINP).

A incorporação da Domino’s pelo BK adicionará cerca de 303 lojas da marca em seu guarda-chuva (213 franquias e 90 próprias), com presença em todo o território nacional.

A transação envolve uma troca de ações entre o BK e a Vinci, sendo cerca de 54 milhões de ações BKBR3 a R$ 11,12 para a Vinci por totalidade das ações da DP Brasil, avaliando a transação em R$ 601 milhões.

A Vinci, que já detinha participação de 6% no capital social da BK Brasil, passa a deter 22,4%, se tornando o maior acionista individual da rede de fast-food no país.

Ademais, o acordo prevê também um aumento de capital da Vinci na DP Brasil, no valor aproximado de R$ 207 milhões, antes da conclusão da transação, capitalizando a rede de pizzarias para expansões futuras.

A proposta ainda irá ser discutida em Assembleia de Acionistas da BK Brasil e, aos acionistas que demonstrarem oposição na votação, será oferecido um direito de retirada, com reembolso de suas participações em BKBR3 no valor contábil patrimonial das ações no balanço da companhia, o que dará um valor de R$ 6,71 por ação.

A Domino’s iniciou suas operações no Brasil em 2018 e já supera o principal concorrente, Pizza Hut (atualmente vice-líder), e também uma rede que é terceira colocada somados em tamanho de operação, inclusive obtendo crescimento no ano de 2020, com receita líquida total alcançando R$ 455 milhões, um aumento de 12,4%, proporcionado pelo ambiente digital mais completo.

E Eu Com Isso?

Com a associação, o BK Brasil entra em um mercado com forte crescimento e marca presença nos três principais segmentos de QSR’s (Quick Service Restaurants – Restaurantes de Serviço Rápido): Hambúrgueres com mercado em torno de R$ 16 bilhões; Pizza com mercado de R$ 4 bilhões, com crescimento de mais de 10% ao ano nos últimos dez anos; Frango frito, mercado ainda incipiente no Brasil, porém com crescimento consistente de dois dígitos anuais.

Enxergamos um impacto positivo para as ações da companhia (BKBR3) no curto prazo, com a BK Brasil incorporando uma importante rede de restaurantes, com marca forte, líder no país e crescimento alto, sem afetar a estrutura de capital da companhia, dado que foi aprovado via troca de ações, mais um ponto positivo.

As sinergias operacionais são inúmeras, sendo majoritariamente no campo de suporte como suprimentos, atendimento e também nas linhas de despesas corporativas e centros de custos que podem ser integrados.

A companhia já afirmou que as operações de linha de frente (restaurantes) funcionarão de forma independente, com cada marca explorando as suas peculiaridades, sem interferência desnecessária.

A complementaridade das linhas de negócio entre Domino’s, Popeye’s e Burger King também são relevantes.

Na pandemia, BK e Popeye’s sofreram um baque no faturamento, por serem altamente dependentes do fluxo físico de pessoas (vendas no salão) e característica de ser uma refeição mais pontual e com fortes vendas na hora do almoço, por exemplo.

Com forte presença em shopping centers, locais mais afetados pela pandemia, era esperado uma queda forte na receita.

Além disso, a estrutura de venda digital ainda era incipiente na rede.

Já na ponta oposta, a Domino’s cresceu forte pela característica das refeições serem voltadas para a família e refeições noturnas e, justamente pelo tipo de demanda, as operações de delivery e vendas digitais já eram muito melhor desenvolvidas, permitindo um posicionamento bastante favorável em tempos de isolamento e restrição.

Há também uma boa avenida de crescimento, de modo que a penetração da rede de pizzarias no Brasil é muito baixa em comparação a outros países semelhantes (1,4 lojas por habitante no Brasil, contra 6,3 no México e mais de 20 nos EUA).

Agora a BK Brasil conta com fontes de receitas complementares e características distintas, além de ter reforçado sua operação digital e sua rede de distribuição (o app próprio já conta com mais de 35 milhões de downloads) e em recuperação das suas vendas de maneira gradual com a vacinação e reabertura das atividades, bom as três marcas bem-posicionadas para crescer e consolidar o setor ainda pulverizado no Brasil.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Qual o Melhor Investimento Hoje — Saiba Quais Fatores Devem Ser Levados em Consideração.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Recomendado para você

Crypto 101

Altcoins: A melhor opção para o Halving? | Crypto 101

Participe da Comunidade Levante Crypto agora mesmo e fique por dentro das principais notícias desse mercado: https://lvnt.app/uvwfup

Hoje em dia, com o Bitcoin já tendo ocupado seu espaço de mercado, muitas pessoas buscam outras moedas digitais para investir.

Afinal, criptos mais baratas – e fora do radar – possuem um potencial muito maior que o vovô das criptos.

É aí que entram as Altcoins, que cada vez mais vêm ganhando espaço no mercado cripto.

Read More »
Crypto 101

3 Criptos de Inteligência Artificial com alto potencial em 2024 | Crypto 101

Atualmente, é necessário ir além do Bitcoin e do Ethereum para conseguir lucrar de verdade no mercado Cripto, que já começa a se movimentar como uma indústria cada vez mais robusta.
Neste contexto, o setor de Inteligência Artifical em Criptomoedas se apresenta como um dos mais promissores na nova indústria, e projetos como $OCEAN (Ocean Protocol), $FET (Fetch.ai) e $PAAL (Pluto Protocol) emergem como líderes na integração dessas tecnologias de ponta.

Participe da Comunidade Levante Crypto agora mesmo e fique por dentro das principais notícias desse mercado: https://lvnt.app/uvwfup

Read More »
Crypto 101

Ganhe Criptomoedas DE GRAÇA: Conheça os Airdrops de Criptos | Crypto 101 

Airdrops de Criptomoedas é o assunto que vem parando o mercado cripto. Como assim, é possível ganhar criptomoedas DE GRAÇA?!

Basicamente, Airdrops são caracterizados pela distribuição gratuita de tokens para detentores de uma determinada criptomoeda ou membros de uma comunidade específica.

Pela importância que o assunto vem tomando, no Crypto 101 de hoje, vamos abordar as principais características dos airdrops em artigo exclusivo.

Read More »
Crypto 101

O que é Staking de Criptomoedas e como fazer na prática? | Crypto 101

Staking de criptomoedas é um processo pelo qual os detentores de determinadas moedas digitais participam da validação e do consenso das transações em suas respectivas redes blockchain. Em essência, é a prática de bloquear uma certa quantidade de criptomoedas em uma carteira específica para apoiar as operações da rede.

Hoje em dia, para quem busca novas maneiras de operar Cripto, o Staking de Criptomoedas é uma maneira inovadora e com alto potencial.

Participe da Comunidade Levante Crypto agora mesmo e fique por dentro das principais notícias desse mercado: https://lvnt.app/uvwfup

Read More »
Crypto 101

Como Montar uma Carteira de Criptomoedas | Crypto 101

Com o avanço do universo cripto, saber como montar uma Carteira de Criptomoedas se torna cada vez mais importante.
Afinal, não é só escolher qualquer moeda digital e investir, certo?
Por isso, no Crypto 101 desta semana, vamos passar pelos tópicos mais importantes sobre o assunto.

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.