bolsonaro-2-840x528

Auxílio sancionado com veto: promessa mantida

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, na manhã desta quinta-feira (28), a lei que garante recursos para o socorro a Estados e municípios contra a pandemia do coronavírus. Após muita negociação entre o Planalto e os demais Poderes e entes federativos, o desfecho foi o melhor possível para a equipe econômica: o dispositivo que possibilitava reajustes para servidores públicos até o fim de 2021 foi vetado.

A equipe econômica comemora a medida, já que a economia com o congelamento de salários, nestes próximos 18 meses, havia caído de 130 bilhões de reais para apenas 43 bilhões – em função de mudanças no texto após a sua tramitação na Câmara. Agora, o montante da economia volta para os parâmetros iniciais.

Antes de sancionar o socorro financeiro, porém, o governo apresentou Medida Provisória para reajustar os salários das Polícias civil, Militar e do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal – a partir de agora, iniciativas como essas não serão possíveis. O custo do reajuste no estado, contudo, não tem grande impacto fiscal (505 milhões de reais). 

Considerado um termômetro da força de Guedes (principalmente pelo tema tramitar no auge da situação entre Bolsonaro e Moro, que levou ao pedido de demissão do juiz), o veto é uma vitória da Economia e traz alívio forte para os mercados. Apesar de já saber do compromisso de Bolsonaro para barrar o reajuste – após reunião, na semana passada, com líderes e governadores –, o mercado esperava pela confirmação da promessa. 

A medida carrega enorme prudência fiscal, em um momento cujo aumento de gastos deve ser calculado com muito cuidado. O veto não deve ser derrubado em nenhuma das Casas Legislativas, com todas as partes mantendo suas promessas sobre o tema.

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Leia também: Guedes aliviado com acordo entre governadores

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Recomendado para você

Artigos

BTG compra corretora Necton

Na onda de consolidação do mercado em busca de capturar o número crescente de CPFs na bolsa, o BTG Pactual fechou a aquisição da Necton

Read More »
Política Sem Aspas

O desafio do teto – parte II

Na primeira parte dessa dupla de textos, concentrei-me em elencar e dissertar acerca das principais regras fiscais em voga hoje no Brasil. Naquela ocasião, deixei

Read More »
Artigos

Política acima de tudo!

O mercado vive uma certa trégua em relação à volatilidade mais acentuada de algumas semanas atrás. Discussões importantes foram adiadas para depois das eleições. Quem

Read More »
tipos de ações da bolsa de valores
Artigos

Empresas preparam IPOs

Nas últimas semanas, o número de prospectos de IPO protocolados na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aumentou em quase dez, com as companhias “aspirantes” ao

Read More »
Fechar Menu

Fechar Painel