Levante Ideias - Jerome Powell

A volatilidade que vem de fora

Taper tantrum é uma expressão difícil de traduzir. “Tantrum” é quando uma criança faz birra porque quer ou porque não quer algo. “Taper” significa redução, encerramento, imposição de um limite. Assim, taper tantrum pode ser traduzido como birra devido à imposição de limites. Foi o que ocorreu com o mercado de títulos americano em 2013, quando o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) anunciou que iria reduzir (tapering) a compra de títulos públicos que havia iniciado em 2008 para aliviar a crise do subprime. O mercado fez birra. Em um período curto, a taxa dos títulos de dez anos do Tesouro americano subiu 136 pontos-base, ou 1,36 ponto percentual, para chegar a um máximo de 3,06 por cento ao ano. Pouco tempo depois, a remuneração voltou a se estabilizar.

Está ocorrendo algo parecido neste momento, mas não devido a ameaças do Fed de interromper a expansão monetária. Justamente o contrário. A autoridade monetária americana vem repetindo sistematicamente que não pretende nem elevar os juros nem interromper a política monetária frouxa e estimulativa, para não abreviar o processo de recuperação econômica. Em seu mais recente pronunciamento, na quarta-feira (17), Jerome Powell, presidente do Fed, disse esperar que o Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos cresça 6,5 por cento neste ano. Um avanço tão rápido muito provavelmente vai pressionar a inflação americana, algo que o Fed vai deixar que aconteça sem preocupações. Por isso, temendo essa alta da inflação, o mercado americano pede mais prêmio nos treasuries. Nesta semana, a remuneração dos títulos de dez anos chegou a 1,754 por cento ao ano, levando a taxa ao nível mais alto em 14 meses. Desde o início do ano, a remuneração desses títulos subiu 80 pontos-base.

Há um movimento global de alta dos juros. O banco do Japão vai reduzir sua política monetária extremamente estimulativa, e o banco central da Turquia seguiu o BC brasileiro ao elevar os juros, sendo o segundo banco central de um país emergente a fazer isso. O BC russo já indicou que pode fazer o mesmo. A importância desse movimento é enorme. Enquanto os bancos centrais dos Estados Unidos e da Europa assumem uma postura mais tolerante com a inflação, as autoridades monetárias de outros países relevantes passam a colocar limites nessas políticas. Isso deverá provocar uma tensão entre os dois movimentos, com reflexos imediatos e imprevisíveis nos preços dos ativos globais.

E Eu Com Isso?

Nesta sexta-feira houve um momento de alívio no mercado de títulos do Tesouro americano, com a taxa recuando para 1,693 por cento ao ano. Com isso, os contratos futuros do índice S&P 500 iniciam o último pregão da semana com leve alta de 0,25 por cento. No entanto, esta sexta-feira será marcada por uma forte volatilidade. Além da incerteza no mercado de juros, hoje será o Dia das Bruxas quádruplo”, ou “quadruple witching”. Em quatro dias do ano, a terceira sexta-feira de março, junho, setembro e dezembro, ocorrem os vencimentos simultâneos de opções de ações, opções de índice, contratos futuros de índice e contratos futuros de ações. Agitação garantida para encerrar a semana.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

Para ficar por dentro do universo dos investimentos de maneira prática, clique abaixo e inscreva-se gratuitamente!

e-eu-com-isso

Leia também: Aversão ao risco.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Levante Ideias - NFT
E eu com isso

Os NFTs são a arte do lucro

NFT parece ser a sigla de um título público. Algo como Notas Financeiras do Tesouro. Nada disso. NFT é a abreviatura de Non-Fungible Tokens, ou

Read More »
Levante Ideias - Dinheiro
E eu com isso

PEC dos precatórios

Nesta quinta-feira (16), a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados votou e aprovou, por 32 votos a 26, a PEC (Proposta

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.