Levante Ideias - Reserva de Emergência

Reserva de emergência: o que é e como criar uma ainda em 2020

O mercado de investimento tem crescido nos últimos anos e, com a pandemia, ainda mais. Afinal, muitas pessoas perceberam a importância de pensar no futuro e ter uma reserva de emergência. Apesar disso, ainda existem muitas dúvidas sobre como começar a investir e onde investir dinheiro. O melhor de tudo é: qualquer um pode aumentar a rentabilidade dos seus ganhos!

Muitos jovens imaginam que, por não terem renda fixa ou um salário alto, não podem ter fundos de investimento. Contudo, isso não passa de um mito. Com apenas R$ 30 ao mês é possível começar e manter uma boa reserva de emergência. Separamos algumas dicas que ensinam o passo a passo de como e onde investir. Confira!

O que é e como funciona a reserva de emergência?

Como o próprio nome já diz, a reserva de emergência é literalmente aquele dinheiro investido e separado para ser utilizado em momentos de apuros ou urgência. Esse dinheiro é o que te garante um tempo para se manter após uma eventual demissão no trabalho, para compra de remédios inesperados, durante uma pandemia como a de 2020 ou qualquer outra situação de imprevisto. Antes de partir para fundos de investimento, é necessário atentar-se, primeiro, à reserva de emergência, pois é justamente ela que vai garantir sua segurança e bem-estar em qualquer situação adversa.

Quanto dinheiro é necessário para a reserva de emergência?

A reserva de emergência pode equivaler a, mais ou menos, 6 ou 12 meses de seus gastos. Entretanto, o resultado varia de acordo com a profissão de cada pessoa e perfil profissional. Veja o cálculo de cada investimento a seguir:

Profissionais com carteira assinada

No caso dos profissionais com carteira assinada pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), a conta corresponde ao seu custo mensal x 6 (meses). O custo mensal equivale aos gastos mensais. Ou seja, se o seu salário é de R$ 1,5 mil e seus gastos básicos mensais somam o valor de R$ 1000, então
R$ 1000 é o seu custo mensal. Sendo assim, multiplicando o valor de R$ 1000 por 6, o resultado obtido será R$ 6 mil. Portanto, sua reserva de emergência será R$ 6 mil.

Profissionais sem carteira assinada

No caso dos profissionais sem carteira assinada, o cálculo corresponde ao custo mensal x 12 (meses). Esse tipo de investimento vale para empreendedores, freelancers, autônomos, profissionais liberais ou qualquer outra categoria sem renda fixa mensal.

Suponhamos que esse empreendedor tem o mesmo custo mensal do profissional de CLT no valor de R$1000. Ao multiplicar o valor de R$ 1000 por 12, o resultado obtido será R$ 12 mil. Portanto, sua reserva de emergência será R$ 12 mil.

Onde investir a reserva de emergência?

Pelo fato da reserva de emergência servir para qualquer momento de apuros, o investimento precisa ser feito em liquidez de curto prazo. A liquidez corresponde basicamente ao tempo que o dinheiro permanecerá no fundo de investimentos. Em alguns casos, como o Tesouro Dário Selic, a liquidez é de 1 dia útil. Por exemplo: após solicitar a retirada do seu dinheiro hoje, em 1 dia útil ele estará disponível na sua conta.

No caso da reserva de emergência, opte por investimentos sem longos prazos. Além disso, priorize a segurança na rentabilidade e invista onde não há multa ou perda de rentabilidade (dinheiro) caso o valor seja retirado antes do tempo previsto.

Veja abaixo indicações de onde investir a reserva de emergência:

  • Tesouro Direto Selic: esse tipo de investimento é um dos mais seguros, porque possui liquidez e segurança;
  • CDB com liquidez diária: o Certificado de Depósito Bancário (CDB) é a modalidade em que o investidor empresta dinheiro para um determinado banco. O CDB com liquidez diária ainda garante a segurança de investimento pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Após uma primeira leitura, essas instruções podem parecer um pouco complicadas. Mas, com tempo e prática, é possível começar a investir seu dinheiro e garantir sua reserva de emergência. Além disso, não se assuste com o resultado final do seu cálculo. O importante é criar coragem e começar a investir com o valor que puder, até atingir o total da sua reserva de emergência. Dê os primeiros passos antes do ano acabar e garanta seu conforto e segurança independente das dificuldades que surgirem no meio do caminho.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Política sem Aspas, por Felipe Berenguer
Política Sem Aspas

Recesso, pero no mucho…

Existe, no imaginário popular, uma ideia fixa que procura associar o recesso parlamentar à inatividade de políticos de Brasília. De fato, os corredores do Congresso

Read More »
Levante Ideias - Inflação
E eu com isso

Inflação supera expectativas

A sexta-feira começa com a divulgação do IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor Amplo – 15) de 0,72% em julho, levemente abaixo do 0,83% de

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel