xijin

Ibovespa na contramão global – 14/03

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Ibovespa na contramão global

Lá fora, o assunto que mais amedronta os investidores é a desaceleração global. Por isso, todos os dados que apontam nessa direção são capazes de derrubar Bolsas. Foi o que ocorreu nesta quinta-feira no mercado asiático. Por lá, o dia foi negativo devido a produção industrial chinesa ter subido no ritmo mais lento dos últimos 17 (!) anos.

Além disso, os ruídos da guerra comercial entre EUA e China também são analisados com muita cautela, já que impacta o crescimento dos países. Dessa vez, Trump ameaçou deixar as negociações (assim como fez com o líder norte-coreano) caso algum termo não o agrade. Por ora, seguimos sem novidades em relação a mais detalhes.

Por aqui, continuamos ignorando sinais externos negativos e estamos de olho na marca histórica dos 100 mil pontos do Ibovespa, que ainda conta com um impulso extra, de que Guedes já teria recebido a proposta da previdência dos militares. Essa seria a condição dos deputados para acelerar a tramitação da PEC.

E Eu Com Isso?

Mesmo o cenário incerto e mais negativo no cenário internacional não dever tirar o fôlego da Bolsa por aqui. Assim, o índice deve seguir em direção aos 100 mil pontos.

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Recomendado para você

A Levante traz as melhores ideias de investimento

Arriscar ou ser conservador?

Por Denis Matheus, auditor sênior Está em dúvida entre comprar uma bicicleta ou casar? Este questionamento no mundo dos investimentos é muito mais comum do

Detox financeiro

Os últimos textos da newsletter tiveram um claro enfoque no governo Bolsonaro e, principalmente, na reforma da Previdência. Na semana passada, fiz uma análise (na maior sobriedade

Fechar Menu

Fechar Painel