oquesaoetfsguiapraticosobreoinvestimento

O que são ETFs? Guia sobre o investimento

Se você investe na bolsa, sabe como é complexo escolher qual ação comprar. Analistas especializados se dedicam integralmente a tentar descobrir quais são os papéis que têm maior potencial de valorização e, mesmo assim, muitas vezes veem suas projeções frustradas. Para minimizar os riscos, o ideal é ter uma carteira de ações diversificada.

No entanto, essa opção pode sair caro, dependendo das taxas de corretagem e custódia cobradas pela corretora de valores. Além disso, é preciso ter uma soma razoavelmente grande de dinheiro para conseguir montar um portfólio diversificado o suficiente para reduzir riscos. Uma excelente alternativa para isso são os ETFs (Exchange Traded Funds).

Neste artigo, vamos explicar melhor o que é um ETF, quais são suas características e os principais benefícios de investir nesse tipo de fundo. Acompanhe!


Fique por dentro das principais notícias do mercado inscrevendo-se gratuitamente em nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’, a mais completa do mercado! 

e-eu-com-isso


O que é ETF?

ETF é a sigla para Exchange Traded Fund, o que, traduzindo, seria algo como “fundo negociado em bolsa”. Assim, diz respeito a um fundo de investimentos em que as cotas são negociadas em bolsa de valores, como se fossem ações.

Ele tem, também, outra característica bem própria: a composição de sua carteira busca seguir índices de referência, que podem ser um índice de ações, de renda fixa, de commodities, de ouro, de petróleo etc.

No Brasil, existem ETFs de ações, renda fixa e de ações do mercado internacional. Enquanto escrevemos este texto, o site da B3, a bolsa de valores brasileira, mostra que temos listados 16 ETFs de renda variável e 4 de renda fixa.

Os ETFs surgiram no Canadá no início dos anos 1990, mas aportaram no Brasil apenas em 2004, com o lançamento do It Now PIBB IBrX-50 Fundo de Índice, um ETF que segue o índice IBrX-50. Assim, os ETFs contam com uma gestão passiva, ou seja, seu objetivo é alcançar um desempenho igual — ou muito próximo — do índice de referência, e não superá-lo.

Quais são as principais características dos ETFs?

Existem algumas informações importantes a respeito dos ETFs para quem pretende investir nessa modalidade. A primeira delas é que, como ocorre com qualquer fundo de investimento, o investidor paga uma taxa de administração para o fundo. No entanto, ela costuma ser bem menor do que a cobrada pelos demais fundos de investimento, ficando em média entre 0,3% e 1%.

Além da taxa de administração, as corretoras de valores podem praticar taxas de corretagem e de custódia. É preciso conferir esses custos com a corretora de sua escolha. Existem também os emolumentos cobrados pela B3 e pela CBLC (Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia), que são de 0,031532% sobre o valor negociado.

Outro ponto relevante é que os ETFs não distribuem diretamente ao investidor os dividendos que as empresas pagam aos acionistas. Essa distribuição é feita de forma indireta, uma vez que o fundo incorpora esses recursos ao seu patrimônio.

Por fim, os ETFs não contam com a mesma isenção de Imposto de Renda que o mercado de ações. Quem vende as cotas com lucro, ou seja, com ganho de capital, deve pagar 15% de Imposto de Renda, a mesma alíquota que incide sobre os demais fundos de investimento. Se a venda for feita no mesmo dia da compra (day trade), a alíquota é de 20%.

Quais são as vantagens dos ETFs?

Diversificação com uma única aplicação

Comprando uma única cota de um ETF você tem acesso a uma carteira diversificada de ativos. Se adquirir cotas do iShares Ibovespa Fundo de Índice, por exemplo, você terá acesso a uma carteira de ações que replica o Ibovespa, principal índice de ações do mercado acionário brasileiro.

Baixo investimento inicial

A cota de um ETF costuma ter um valor baixo. Por isso, é possível começar a investir com menos de R$ 100 e ter uma carteira diversificada de ativos.

Taxa de administração mais baixa

Boa parte dos fundos de investimento em ações tem taxas de administração mais elevadas, inclusive aqueles que têm estratégia de gestão passiva, como os ETFs. Os fundos com gestão ativa, além da taxa de administração, também cobram taxas de performance quando superam o benchmark estabelecido.

Assim, os custos para investir em ETFs são menores e não corroem a rentabilidade da aplicação. Para ter uma ideia, o ETF com taxa de administração mais baixa, o It Now PIBB IBrX-50 Fundo de Índice, cobra apenas 0,059%.

Alta liquidez

Embora não seja possível resgatar as cotas no sentido tradicional de um fundo de investimentos, é perfeitamente possível vendê-las na bolsa de valores, como se fossem ações. Assim, o dinheiro cai em conta dois dias úteis após a venda.

Essa é uma vantagem em relação aos fundos de investimento convencionais, que muitas vezes têm prazos de resgate mais longos.

Acesso a diversos mercados

Como dissemos, além do mercado de ações locais, temos ETFs de renda fixa e de ações internacionais, de forma que o investidor consegue ter acesso a diversos mercados com essa modalidade de investimento.

Além daqueles que seguem os índices do mercado acionário brasileiro, há dois que seguem o S&P500, da bolsa norte-americana, e quatro que acompanham índice de renda fixa.


>> BAIXE AGORA O NOSSO GUIA DE CORRETORAS GRATUITAMENTE E SAIBA QUAL É A IDEAL PARA SEUS OBJETIVOS FINANCEIROS! <<


É o caso, por exemplo, do It Now ID ETF IMA-B. O IMA-B é um índice de renda fixa calculado pela ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), que representa a dívida pública por meio dos preços a mercado de uma carteira de títulos públicos federais. No caso do IMA-B, são títulos indexados pelo IPCA, que é o índice oficial de inflação do país.

Não tem come-cotas

Diferentemente do que ocorre com os demais fundos de investimento, não existe o famoso come-cotas para os ETFs. O imposto é pago apenas na venda das cotas, caso haja lucro (ganho de capital).

Quais são os ETFs mais comuns?

Atualmente, existem diversas administradoras de ETFs, mas as duas maiores são a Black Rock, dona da marca iShares, e o Itaú, que detém a família It Now. São deles também os ETFs mais famosos do mercado.

O It Now PIBB IBrX-50 Fundo de Índice (PIBB11), como já dissemos, foi o primeiro e segue o IBrX-50, mas o mais famoso mesmo é o iShares Ibovespa Fundo de Índice (BOVA11), que acompanha o desempenho do Ibovespa. Além desses, existem outros que perseguem índices de dividendos, de carbono, de governança corporativa, de sustentabilidade etc.

Agora você já sabe o que é ETF, quais são as características desse tipo de fundo e os benefícios que ele oferece. Antes de investir, procure saber mais sobre aquele fundo, entenda exatamente qual é o índice de referência, confira a taxa de administração e verifique os custos da sua corretora de valores.

Gostou do artigo? Então, aproveite para assinar a nossa newsletter e receber outros conteúdos como este diretamente em sua caixa postal!

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Política sem Aspas, por Felipe Berenguer
Política Sem Aspas

Diários da CPI | Política sem Aspas

Chegou ao fim a primeira semana de funcionamento da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, instalada no Senado Federal para apurar eventuais irregularidades e

Read More »
eletrobras
E eu com isso

Cronograma da privatização

Por ter sido enviada via Medida Provisória, que tem vencimento de 120 dias, a privatização da Eletrobras (ELET3/ELET6) está no radar do Congresso e de

Read More »
Adidas - Levante Investimentos
E eu com isso

Resultado da Adidas do 1T21

A Adidas apresentou nesta sexta-feira (7), antes da abertura do mercado na Europa, os seus resultados do primeiro trimestre do ano de 2021. Os números

Read More »
Edifício da JHSF - JHSF3 - Levante Investimentos
E eu com isso

Resultados da JHSF (JHSF3) do 1T21

A JHSF (JHSF3) apresentou nesta quinta-feira (6), após o fechamento do mercado, os seus resultados do primeiro trimestre de 2021. Os números da companhia vieram

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu
Fechar Painel