Levante Ideias - Apple

Resultados da Apple (AAPL) do 3T21

A Apple (AAPL) apresentou, nesta quinta-feira (28), após o fechamento dos mercados, seus resultados do quarto trimestre do ano fiscal 2021, equivalentes ao terceiro trimestre do ano calendário. Os números vieram mistos, com uma receita abaixo do esperado, mas margens e lucro líquido acima.

A receita totalizou US$ 83,36 bilhões, crescimento de 29% na comparação anual. Contudo, o patamar veio abaixo das expectativas, que eram superiores a US$ 85 bilhões.

Na parte de produtos, o iPhone decepcionou, mas as demais linhas (acessórios, Mac e iPad vieram bem). Na teleconferência, o CFO da companhia afirmou que os problemas na cadeia de suprimentos tiveram um impacto negativo na receita de aproximadamente US$ 6 bilhões.

Margens: a margem bruta – esta mais associada aos custos diretos necessários à venda dos produtos ou à prestação dos serviços – foi de 42,2%, avanço de quase 4 pontos percentuais. Já a margem operacional (EBIT) saltou de 22,8% para 28,5%.

Já o lucro por ação foi de US$ 1,24, em linha com as estimativas. A Apple divulgou o pagamento de US$ 0,22 por ação em dividendos em novembro. Durante este trimestre, foram mais de US$ 24 bilhões em distribuição de proventos ao acionista.

E Eu Com Isso?

O resultado da Apple veio misto, com uma receita abaixo do esperado, mas lucro acima. Como o mercado dá mais peso para o “top-line”, esperamos impacto negativo no preço das ações AAPL no curto prazo.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Apple lança iPhone 13.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Levante Ideias - Congresso Nacional
E eu com isso

Auxílio aprovado

A Medida Provisória 1.061/21, publicada no início de agosto para instituir o programa Auxílio Brasil, foi aprovada nesta quinta-feira (25) na Câmara dos Deputados, por

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.