Levante Ideias - PepsiCo

PepsiCo (PEP): Resultados do 2T21

A PepsiCo (PEP) apresentou nesta segunda-feira (12), após o fechamento do mercado, os seus resultados do segundo trimestre de 2021.

Os números vieram superiores às expectativas prévias.

A receita foi de US$ 19,2 bilhões, um crescimento orgânico (excluindo os efeitos cambiais, de possíveis aquisições e desinvestimentos) de 12,8%.

Enquanto isso, a margem operacional (EBIT), um balizador de eficiência operacional, fechou o trimestre em 16,3%, 1,8 ponto percentual a mais que no 2T20.

O lucro por ação, por sua vez, foi de US$ 1,72 dólares, aumento de 27% ano contra ano. Esperava-se um número próximo aos US$ 1,50 a US$ 1,55 por ação.

E Eu Com Isso?

O resultado da PepsiCo veio bom e acima do esperado. O mercado deve reagir positivamente aos números, impactando, não apenas as ações ‘’PEP’’, como outras empresas do setor.

Na nossa visão o fato mais positivo do resultado foi a revisão das projeções oficiais para 2021 (guidance) mais otimistas, ponto que não estava precificado pelo mercado.

Se anteriormente esperava-se um crescimento na linha de lucro por ação de 7% a 9%, a PepsiCO acredita agora em algo mais próximo a 11%, aumento bem relevante vis-à-vis a maturidade do seu negócio.

A análise por segmento sugere que nos locais com maior flexibilidade o desempenho é melhor.

Destaque positivo para América do Norte, com crescimento acima dos 20%. Por outro lado, destaque negativo para Quaker Foods, cuja queda na receita foi de 7%.

Há um efeito-base forte devido ao aumento do estoque das famílias no período compreendido entre março e maio do ano passado.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Resultados da PepsiCo.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Recomendado para você

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.