gerdau3-div

Gerdau (GGBR4/GOAU4) – Desligamento de alto-forno da usina de Ouro Branco

Gerdau (GGBR4/GOAU4) – Desligamento de alto-forno da usina de Ouro Branco

A Gerdau (GGBR4/GOAU4) anunciou na última sexta-feira (3), após o fechamento dos negócios, diversas ações para ajustar suas operações frente ao cenário atual do coronavírus.

Entre elas foi anunciado o desligamento do Alto-Forno 2 localizado na usina de Ouro Branco (MG) como forma de realizar cortes na sua produção. A medida visa ajustar suas operações para enfrentar o cenário atual de retração na demanda por aço dos setores industriais e da construção civil devido ao Covid-19. Já o Alto-Forno 1 seguirá ativado. A capacidade instalada dos fornos é 1,5 milhões de toneladas/ ano e 3 milhões de toneladas/ano, respectivamente.

Na América do Norte as usinas seguem operando normalmente, mas com possíveis regulações nos níveis de produção longo do mês de abril caso ocorra uma redução de demanda nos setores de construção civil e indústria.

No segmento de “Aços Especiais”, estão programadas paradas nas suas aciarias elétricas e laminações, considerando o nível de estoque existente e a demanda. Como o setor automotivo do Brasil e dos Estados Unidos decretou férias coletivas para abril, a demanda por aço especial acaba sendo afetada de forma bastante significativa.

Na América do Sul, as usinas no Peru e na Argentina seguem paradas por conta das decisões dos Governos, com proibição até mesmo da entrega dos produtos.

O desligamento do Alto-Forno de uma usina é um marco relevante e reflete a gravidade do problema para as empresas do setor de siderurgia. Por conta disso, esperamos impacto negativo no preço das ações da Gerdau (GGBR4/GOAU4) no curto prazo.

A paralisação da economia afeta toda a cadeia produtiva. Com o parque automotivo parado, redução na velocidade de novos lançamentos imobiliários e atraso na divulgação de projetos de infraestrutura, está havendo impacto direto nas fornecedoras de matéria-prima como a Gerdau, que oferta aço para o setor industrial, de infraestrutura e da construção civil.

A Usiminas (USIM5) anunciou o desligamento de dois altos-fornos na quinta-feira (2), após o fechamento do mercado. Como resultado, as ações do setor siderúrgico terminaram em forte queda na sexta-feira. Usiminas (USIM5) despencou 11 por cento, CSN (CSNA3) recuou 9,5 por cento e Gerdau (GGBR4) teve perdas de 7 por cento.

O principal catalisador para as ações do setor de siderurgia é a duração da quarentena que afeta todos os setores da economia.

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Leia também:Usiminas – Queda de braço entre siderúrgicas e montadoras de veículos (USIM5, CSNA3)

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Recomendado para você

Artigos

Resultados da Vale

A Vale (VALE3) divulgou nesta quarta-feira (28), após o fechamento do mercado seus números referentes ao terceiro trimestre de 2020. O resultado veio em linha

Read More »
Artigos

Números da Vivo

A Telefônica Brasil (VIVT3/VIVT4) apresentou nesta terça-feira (27), após o fechamento do mercado, o seu resultado do 3T20 e que, na nossa avaliação, foi regular

Read More »
Artigos

BTG compra corretora Necton

Na onda de consolidação do mercado em busca de capturar o número crescente de CPFs na bolsa, o BTG Pactual fechou a aquisição da Necton

Read More »
Política Sem Aspas

O desafio do teto – parte II

Na primeira parte dessa dupla de textos, concentrei-me em elencar e dissertar acerca das principais regras fiscais em voga hoje no Brasil. Naquela ocasião, deixei

Read More »
Fechar Menu

Fechar Painel