Light - E Eu Com Isso

Dívida da Light (LIGT3)

Nesta terça-feira (26), a Light comentou sobre seus planos estratégicos após as recentes mudanças de gestão e em sua estrutura acionária. Há aproximadamente dois meses, Raimundo Nonato, oriundo da Equatorial, se tornou CEO da companhia e delineou as prioridades para essa nova fase. Dentre elas estão o compromisso com a redução do endividamento e o combate às perdas não técnicas, que atualmente geram uma despesa anual de 600 milhões de reais.

Vale destacar que a transformação acionária da Light vem ocorrendo desde 2019, quando a Cemig, então controladora, vendeu a fatia de 27,3 por cento e abdicou do controle da empresa. Na sequência, em 2020, o BNDESPar alienou sua posição e Ronaldo Cezar Coelho se tornou o principal investidor privado, posto mantido até hoje por meio do fundo Samambaia, que detém 20 por cento do capital acionário. A Cemig saiu completamente do quadro de acionistas na última sexta-feira, aproveitando a oferta subsequente de ações (follow-on) com emissão primária e secundária realizada pela Light.

No tocante ao enfrentamento das perdas não técnicas, uma das estratégias da companhia reside em investimentos em projetos de eficiência energética em áreas de risco, pois a leitura é que os moradores não fraudam a energia por má-fé, mas, sim, por dificuldade financeira e falta de opções. Até abril, o plano completo de combate às perdas, acompanhado de metas explícitas, será apresentado ao mercado, juntamente com um programa de remuneração variável vinculado. O plano envolverá também pleito à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para o reconhecimento das complexidades da área da concessão na estrutura tarifária.

Por fim, em relação ao endividamento, a companhia comentou que, após a capitalização, a situação financeira ficou mais confortável. Entretanto, o objetivo é alcançar uma alavancagem financeira ainda mais baixa, com relação dívida líquida/Ebitda de 2 vezes. Em adição, pretende-se aproveitar a estrutura de capital fortalecida para buscar dívidas mais longas e baratas no mercado de capitais.

E Eu Com Isso?

A notícia é positiva para a Light, com impacto levemente positivo no preço das ações (LIGT3) no curto prazo. O discurso do novo presidente, Raimundo Nonato, embora acertado, já foi realizado por outros executivos da companhia no passado e houve dificuldade de entrega de resultados em decorrência da complexidade da área de concessão, o que sinaliza um risco de execução para a entrega dessas propostas.

Acreditamos que a saída da Cemig do capital da Light também é positiva. Após anos de discussão quanto à posição da estatal na companhia, a Light conseguiu, por meio de sua última oferta de ações, a saída da Cemig da companhia, tendo agora seu controle pulverizado na Bolsa. Essa é uma boa notícia em termos de governança, uma vez que a companhia, com a nova posição acionária, torna-se mais independente e com acionistas mais alinhados à sua estratégia.

O novo presidente traz ainda uma nova proposta para resolver o problema mais antigo e crítico da Light, o de perdas não técnicas (furtos de energia). Essas perdas representam metade do mercado de baixa tensão da companhia e dois terços se concentram em áreas de risco. Como solução, Nonato zela pela aproximação com as comunidades, por meio de investimento em eficiência energética, projetos sociais e geração de renda e emprego, de modo que o custo da energia seja mais acessível aos moradores locais.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

Para ficar por dentro do universo dos investimentos de maneira prática, clique abaixo e inscreva-se gratuitamente!

e-eu-com-isso

Leia mais sobre a empresa: Light dá saída à Cemig.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Levante Ideias - NFT
E eu com isso

Os NFTs são a arte do lucro

NFT parece ser a sigla de um título público. Algo como Notas Financeiras do Tesouro. Nada disso. NFT é a abreviatura de Non-Fungible Tokens, ou

Read More »
Levante Ideias - Dinheiro
E eu com isso

PEC dos precatórios

Nesta quinta-feira (16), a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados votou e aprovou, por 32 votos a 26, a PEC (Proposta

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.