banco do brasil

Banco do Brasil (BBAS3) – resultado do primeiro trimestre de 2020

O Banco do Brasil (BBAS3) divulgou o resultado do primeiro trimestre de 2020. Como esperado, especialmente depois seus principais concorrentes Bradesco e Itaú, a lucratividade veio abaixo das expectativas, fortemente afetada por provisões registradas para enfrentar o Covid-19.

O lucro líquido ajustado totalizou 3,395 bilhões de reais no trimestre, uma queda de 20,1 por cento em relação ao mesmo período de 2019. Com a queda no lucro, o retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) foi de 12,5 por cento no trimestre, queda de 4,3 pontos percentuais na comparação anual e de 5,2 pontos percentuais em relação ao último trimestre.

Diante do novo cenário, as provisões do Banco do Brasil para possíveis calotes (créditos de liquidação duvidosa) atingiram 2,0 bilhões de reais, menores do que as reportadas pelo Bradesco (2,5 bilhões) e Itaú (4,5 bilhões).

Em um movimento similar ao observado com o Itaú, a queda nos lucros já era esperada em função das provisões adicionais. Com isso, a atenção deve se voltar às demais linhas do balanço e nossa expectativa é de que ações do Banco do Brasil (BBAS3) sejam afetadas positivamente no curto prazo.

As receitas com tarifas cresceram 4,0 por cento no 1T20 enquanto as despesas administrativas tiveram uma alta de 2,7 por cento na comparação anual. As despesas administrativas vieram dentro do guidance anterior (+2,5 a +4,5 por cento). 

A margem financeira bruta somou 14,0 bilhões de reais no trimestre, crescimento de 9,9 por cento em relação ao mesmo período de 2019 e recuo de 1,8 por cento em relação ao quarto trimestre de 2019.

O banco também reduziu sua taxa de inadimplência acima de 90 dias em 10 pontos porcentuais em comparação ao quarto trimestre de 2019, ficando em 3,17 por cento no fim de março.

Como destaque, o BB afirma que a chegada da epidemia do coronavírus acelerou o uso do app do banco a partir de março, com 1,5 milhão de novos usuários na plataforma, chegando a 15,8 milhões de clientes. Segundo o banco, em abril, a média diária de clientes que passaram a usar o app foi 3,6 vezes superior aos últimos seis meses.

Assim como o Itaú, o Banco do Brasil suspendeu suas projeções (guidance) para o ano de 2020 devido a baixa visibilidade sobre a extensão e profundidade dos efeitos da crise atual trazida pela pandemia da Covid-19 na atividade econômica e social.

As medidas de quarentena impostas por governos na expectativa de frear o avanço do vírus foram colocadas em prática apenas em março. Dessa forma, seu impacto nas operações bancárias do primeiro trimestre ainda foi limitado. O impacto mais forte virá no segundo trimestre de 2020.

A rentabilidade do banco vinha melhorando até então como resultado de sua estratégia de atuar em segmentos com melhores margens. No entanto, o reforço nas provisões acabou interferindo negativamente.

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Leia também: Banco Itaú Unibanco (ITUB4) – Resultado do primeiro trimestre de 2020

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Recomendado para você

Política Sem Aspas

O desafio do teto – parte II

Na primeira parte dessa dupla de textos, concentrei-me em elencar e dissertar acerca das principais regras fiscais em voga hoje no Brasil. Naquela ocasião, deixei

Read More »
Artigos

Política acima de tudo!

O mercado vive uma certa trégua em relação à volatilidade mais acentuada de algumas semanas atrás. Discussões importantes foram adiadas para depois das eleições. Quem

Read More »
tipos de ações da bolsa de valores
Artigos

Empresas preparam IPOs

Nas últimas semanas, o número de prospectos de IPO protocolados na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aumentou em quase dez, com as companhias “aspirantes” ao

Read More »
Artigos

Resultados da WEG

A Weg (WEGE3) apresentou nesta quarta-feira (21), antes da abertura dos mercados, os seus resultados referentes ao 3T20. Os números vieram bons e acima das

Read More »
Fechar Menu

Fechar Painel