grupo dasa eeci

Aquisição do Grupo Dasa

Na quinta-feira (03), após o fechamento do mercado, o grupo Dasa (DASA3) comunicou a aquisição do Grupo Leforte, dono de três hospitais e de cinco clínicas na Grande São Paulo, por 1,77 bilhão de reais. O grupo adquirido tem mais de 75 anos de história e possui hospitais em regiões estratégicas na capital paulista e na grande São Paulo, como os bairros da Liberdade e do Morumbi, e cidades do ABC Paulista.

Nos últimos seis meses a Dasa duplicou seus leitos hospitalares. O total chega agora a 2,6 mil, considerando os 500 leitos do grupo Leforte. Para efeitos de comparação, a Rede D’Or possui cerca de 8 mil leitos.

E Eu Com Isso?

Considerarmos a notícia como positiva para a Dasa (DASA3) e por isso esperamos alta no preço das ações nesta sexta-feira (4), porém é importante ressaltar que somente 3 por cento do capital da companhia é listado na Bolsa, tornando muito baixa a liquidez das ações.

Aproveitando o interesse do mercado, o CEO da Dasa, Pedro Bueno, declarou que o grupo não descarta aumentar a fatia da empresa listada na bolsa. Atualmente o valor de mercado da companhia é de cerca 28 bilhões de reais, porém é importante ressaltar que essa precificação pode não representar uma visão mais geral de mercado devido à atual baixa liquidez das ações.

Uma possível nova oferta dos papéis da Dasa teria o mesmo efeito prático de um IPO para o mercado. Para a família Bueno, principal controladora da empresa, isso viria em um momento oportuno, uma vez que diversos fundos e investidores vem olhando com muita atenção para o setor, resultando em um possível aumento de demanda.

Já vínhamos falando do aquecimento do mercado de saúde, com destaques para os grupos de saúde com modelo verticalizado, Notredame Intermédica (GNDI3) e Hapvida (HAPV3), que têm avançado em seus esforços de consolidação regional pelo País, e para o IPO da Rede D’Or (RDOR3). Esta sexta-feira (4) é o último dia para fazer o pedido de reserva, com estreia na bolsa marcada para 10 de dezembro.

Na nossa visão isso tem provocado um aumento nos múltiplos de mercado (valuations) dos ativos disponíveis no mercado. A notícia mostra que a corrida pelos ativos, principalmente hospitais, não será disputada somente por esses três participantes do mercado, reforçando nossa tese do aquecimento do setor e com isso esperamos que aquisições de ativos seja frequente no futuro próximo, num movimento de consolidação do setor de saúde.

—— ——

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

Para ficar por dentro do universo dos investimentos de maneira prática, clique abaixo e inscreva-se gratuitamente!

e-eu-com-isso

—— ——

Leia também: NotreDame Intermédica anuncia Follow-On.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Copel - E Eu Com Isso - Levante
E eu com isso

Plano Estratégico da Copel

A Copel divulgou nesta quinta-feira (21) seu novo planejamento estratégico. Além de mudanças estatutárias e de uma nova política de dividendos, a nova agenda propõe

Read More »
E eu com isso

Resultado da Intel

A Intel (INTC) divulgou nesta quinta-feira (21) os seus resultados do 4T20. Os números vieram bons, acima do que a companhia havia projetado ao final

Read More »
Loja fechada - Covid - E Eu Com Isso
E eu com isso

Lojas fechadas e cofres abertos

Dois motivos provocaram a forte baixa das ações na quinta-feira. Um deles foi a decisão do governo paulista de ampliar as medidas de isolamento social.

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel