Levante Ideias - Alpargatas

Alpargatas vende Osklen para o Grupo Dass

A Alpargatas (ALPA4) informou na segunda-feira (01) – véspera de feriado – que recebeu uma oferta vinculante do Grupo Dass – fabricante de roupas esportivas e calçados e representante das marcas Fila e Umbro no Brasil – para aquisição da fatia de 60% que a companhia detém na Osklen.

O valor total da proposta poderá chegar a R$ 400 milhões para 100% do EV da Osklen, representando um múltiplo EV/Ebitda LTM de 16,4x.

A proposta é composta por uma parte fixa de R$ 300 milhões, a ser paga em 3 parcelas, e uma parte variável no valor de até R$ 100 milhões, condicionada ao atingimento de determinadas metas durante os exercícios de 2022 e 2023, e o pagamento será feito em até 4 anos do recebimento da proposta.

A Alpargatas possui o controle da Osklen desde 2014. De acordo com a divulgação dos resultados do 3T21 da companhia, a Osklen encerrou o terceiro trimestre deste ano com 75 lojas, sendo 48 próprias e 27 franquias, com uma receita de R$ 180 milhões no acumulado dos 9 meses de 2021, chegando próximo ao patamar de receita do mesmo período de 2019 (período pré-pandemia).

E Eu Com Isso?

A venda do controle da Osklen para o Grupo Dass é positivo para a Alpargatas visto que a alienação da participação na Osklen está em linha com o planejamento estratégico da companhia, de forma a reforçar seu caixa e acelerar seu plano de aquisições.

Dessa forma, esperamos um impacto positivo nas suas ações (ALPA4) no curto prazo.

A alienação do controle da Osklen vai permitir que a Alpargatas se concentre mais na transformação da marca, que prevê seu crescimento orgânico, por meio da expansão de Havaianas, e também no crescimento inorgânico, através de novas marcas, novos produtos e novas soluções digitais, inclusive em mercados internacionais. Ainda na segunda-feira o Conselho da Alpargatas aprovou a aceitação da oferta vinculante do Grupo Dass.

Controlada pela Itaúsa, a Alpargatas realizou um programa de desinvestimento nos últimos três anos, se dissociando de marcas não estratégicas como Rainha, Mizuno e agora com a Osklen.

Ademais, o plano estratégico da companhia está mais voltado para uma plataforma de marcas globais com maior direcionamento tech. Seguindo essa estratégia, em maio deste ano, a Alpargatas adquiriu a companhia de softwares, Ioasys.

O desafio da transformação parece estar indo bem, considerando os números divulgados pela companhia referentes ao 3T21, trimestre em que o lucro líquido da Alpargatas apresentou um crescimento de 29 vezes em um ano, atingindo R$ 156,32 milhões.

O resultado é reflexo do efeito das operações descontinuadas, redução de itens não recorrentes e aumento do resultado operacional.

Por fim, a Alpargatas anunciou ainda que investirá R$ 600 milhões em 2022 para expandir sua capacidade de produção e sua malha logística. Somado a este ano, o total de recursos investidos pela companhia é de R$ 900 milhões, um dos maiores da sua história.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Quando os gigantes crescem demais.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Levante Ideias - Vacina Moderna
E eu com isso

E se as vacinas não funcionarem mais?

As declarações de Stéphane Bancel, principal executivo do laboratório americano Moderna, estão provocando fortes solavancos nos mercados internacionais na manhã desta terça-feira (30). Em média,

Read More »
Levante Ideias - Congresso Nacional
E eu com isso

Emendas ficam

O Congresso Nacional aprovou, nesta segunda-feira (30), o Projeto de Resolução 4/2021, que viabiliza o pagamento de emendas de relator e busca adaptar tal modalidade

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.