Tenda EECI

A fábrica da Tenda

A Tenda, construtora atuante no segmento do Minha Casa Minha Vida (MCMV), realizou ontem, dia 16 de dezembro, o seu Investor Day. O principal anúncio do evento consistiu nos planos de implantação de uma fábrica de construção industrializada (“offsite”) de casas no primeiro semestre de 2021, que se situará no interior de SP. Nesse modelo, a estrutura dos empreendimentos é produzida na fábrica e, na sequência, transportada ao canteiro de obras, onde a montagem é executada.

De acordo com as informações transmitidas pela companhia, o modelo offsite proporciona redução substancial do tempo exigido para construção de uma casa. Também demanda menor mão de obra nos canteiros, gerando uma margem de contribuição maior. Adicionalmente, o modelo permitirá que a Tenda amplie seu mercado endereçável e comece a atuar em cidades de menor porte, pois, nessa estratégia, a escala é analisada em termos da capacidade ocupada da fábrica, e não das vendas em uma praça particular.

Para implementação desse modelo de construção e instalação da fábrica, a empresa estima desembolsar de 300 a 400 milhões de reais, correspondentes a 10 por cento do valor de mercado atual. Nos quatro primeiros anos, a fábrica será deficitária e, assim, drenará caixa da empresa. A partir de 2026, a operação atinge o breakeven e deve alcançar a capacidade total de 10 mil unidades por ano, equivalente a cerca de 32 por cento da meta de vendas da companhia nesse mesmo ano. Entretanto, segundo a Tenda, o negócio de casas teria potencial de 30 mil unidades por ano, sinalizando que novas fábricas poderão ser desenvolvidas conforme a estratégia se prove vencedora e amadureça.

E Eu Com Isso?

A notícia da nova operação é positiva para a Tenda devido ao ganho de escala estimado com o projeto, pois o negócio pode fazer a companhia dobrar de tamanho nos próximos anos. De fato, hoje, a construtora vende cerca de 18 mil unidades ao ano, podendo chegar a 31 mil unidades em cinco anos, sendo que o projeto de casas offsite teria potencial para 30 mil unidades ao ano.

O novo empreendimento também permite à Tenda ampliar suas praças de atuação, uma vez que a companhia, assim como outras do segmento MCMV, atualmente opera apenas em cidades de maior porte, pois o segmento exige escala e padronização de processos. Com a entrada neste modelo de construção offsite, onde a estrutura é produzida em fábrica e, em seguida, levada ao canteiro de obras para montagem, ela poderá atuar em praças menores, nas quais há menor competição por terrenos e a mão de obra é mais barata, sendo muito vantajoso para a companhia.

Apesar do teor positivo, por se tratar de um modelo de negócio novo para a companhia, há naturalmente um risco de execução envolvido. Logo, até que haja maior visibilidade, o mercado deve aguardar para incorporar a notícia ao preço da ação. Como fator mitigante do risco apontado, há o fato de a empresa planejar um controlado desembolso de caixa nessa iniciativa, correspondente a apenas 10% de seu valor de mercado atual, um valor baixo comparado ao potencial da iniciativa.

Em adição, no que se refere ao crescimento da operação até o alcance do breakeven, um mitigante será o fato de que a empresa pretende utilizar lançamentos já programados em 2022 e encaixá-los no modelo de fabricação industrializada. Também contribui para redução de riscos o fato de a produção de insumos não ser verticalizada, pois a Tenda acredita que há fornecedores brasileiros capazes de prover os materiais necessários com um nível de serviço adequado.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

Para ficar por dentro do universo dos investimentos de maneira prática, clique abaixo e inscreva-se gratuitamente!

e-eu-com-isso

Leia também: Ibovespa zerou as perdas.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Arthur Lira na Câmara dos Deputados - Levante Investimentos
E eu com isso

Sem reforma tributária

No mesmo dia em que o relatório da reforma tributária foi lido na comissão mista, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), declarou

Read More »
Logo XP
E eu com isso

Resultado da XP (XP) do 1T21

A XP Inc (XP) apresentou nesta terça-feira (04), após o fechamento do mercado, os seus resultados do primeiro trimestre de 2021. A companhia já havia

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel