santos

Santos Brasil (STBP3) – Resultado do primeiro trimestre de 2020

O resultado do primeiro trimestre de 2020 da Santos Brasil foi regular e veio em linha com as projeções em termos de receita líquida, mas um pouco abaixo da projeção de Ebitda recorrente e resultado líquido.

O destaque positivo foi o aumento no volume de contêineres no terminal de Santos foi de 265,321 contêineres no trimestre, um crescimento de 4,1 por cento na comparação anual. 

Com isso, a receita líquida ficou praticamente estável em 223,8 milhões de reais no trimestre, redução de 1,5 por cento em relação a 2019.

No lado negativo, destacamos a geração de caixa operacional recorrente – medida pelo Ebitda, alcançou 13,1 milhões de reais, com margem de 7 por cento. O Ebitda foi ajudado por um efeito não recorrente positivo de 2,2 milhões de reais no trimestre.

Houve piora no mix de contêineres: aumento da participação da cabotagem/transbordo para 30 por cento (27 por cento no primeiro trimestre de 2019) e ligeira piora no mix de contêineres cheio/vazio que foi de 77,2 por cento (78,7 por cento no primeiro trimestre de 2019).

Por outro lado, no Tecon-Santos houve aumento dos contêineres cheios de importação com crescimento de 12,7 por cento no trimestre em relação ao mesmo período do ano anterior.

Na última linha um prejuízo líquido de 13,3 milhões de reais, reflexo do aumento das despesas financeiras que totalizaram 22,4 milhões de reais no trimestre.

Acreditamos que o resultado abaixo do esperado da Santos Brasil (STBP3) já está no preço e esperamos impacto ligeiramente negativo no preço das ações no curto prazo.

O principal catalisador das ações em 2020 é o impacto vindos da desaceleração econômica devido à quarentena do coronavírus.

O investimento totalizou 63,3 milhões no trimestre, dos quais 61,2 milhões no Tecon Santos, sendo a grande maioria referente à obra de extensão e reforço do cais. A conclusão das obras de expansão do cais está prevista para o segundo semestre de 2021. O Tecon Santos recebeu, em fevereiro, os dois guindastes de cais STS (fabricados pela ZPMC) que já entraram em operação normal em abril, o que elevou a produtividade das operações de movimentação de contêineres.

Este investimento no Tecon-Santos vai adicionar 220 metros ao cais atual, que passará a ter 1.510 metros de extensão, com possibilidade de operação (ao mesmo tempo) de até três navios de 366 metros de comprimento, da classe New Panamax, com melhoria da produtividade nas operações de porto. As obras para expansão e reforço do cais já começaram e deverão ser concluídas no segundo semestre de 2021.

A companhia encerrou o primeiro trimestre de 2020 com endividamento líquido de apenas 63,1 milhões de reais, equivalente a 0,5 vezes Ebitda.

Os principais catalisadores das ações da Santos Brasil são: aumento do volume de importações, melhora de preços e aumento da margem Ebitda consolidado.

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Leia também: Cyrela (CYRE3) – Resultado operacional do primeiro trimestre de 2020

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Assinatura de documento - fechamento
E eu com isso

Acordo no Orçamento

Após semanas de intensa discussão, o governo e o Congresso fecharam um acordo para solucionar o impasse envolvendo o Orçamento de 2021, aprovado com despesas

Read More »
Linx (LINX3) - Levante Investimentos
E eu com isso

Resultado da Linx (LINX3) do 4T20

A empresa de softwares Linx (LINX3) apresentou nesta segunda-feira (19), após o fechamento do mercado, os resultados do último trimestre de 2020. Como regra, as

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel