Localiza - E Eu Com Isso - Levante

RENT3 e LCAM3: Aquisições entre Locadoras

Em 15 de Janeiro, foi noticiado que o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) deverá intervir na proposta de fusão entre as locadoras de veículos Localiza (RENT3) e Unidas (LCAM3). O motivo seria sua preocupação com a concorrência desleal que a fusão causaria, uma vez que a companhia combinada acumularia 60 por cento de participação de mercado, sufocando as demais empresas do setor. Desse modo, a única forma de as companhias conseguirem o apoio do órgão regulador seria através da adoção de medidas restritivas, como vendas de ativos e limites de atuação no mercado.

Vale destacar que a combinação de negócios já havia sido aprovada pelos acionistas em 2020, uma aquisição que geraria uma empresa de cerca de 50 bilhões de reais de valor de mercado. A proposta foi formalmente apresentada ao Cade no início de 2021, tendo o órgão 240 dias para julgar o caso.

A nossa expectativa é que o Cade será o principal risco para a transação e que seria necessária a aplicação de restrições. Possivelmente agravando as preocupações relativas à concorrência, há o fato de a Localiza já ter firmado parceria com a Hertz no Brasil no passado, acordo encerrado em 2020 por não ter atingido a expectativa devido à falência da Hertz.

Em relação às demais aquisições no mercado de locação de veículos, a Movida (MOVI3) anunciou em 17 de janeiro a celebração do contrato de aquisição da companhia Vox Frotas pelo valor de 89 milhões de reais (valor da empresa).

A Vox é uma companhia de gestão e terceirização de frotas (GTF) que atua em todas as etapas do processo de locação. A Vox possui uma frota diversificada de veículos leves, formada por cerca de 1,8 mil veículos de idade média de 1,2 ano. O movimento inorgânico está alinhado com a estratégia da Movida, que visa se fortalecer em nichos específicos do mercado de locação.

E Eu Com Isso?

A notícia é negativa para a Localiza e a Unidas, mas já teve impacto no preço das ações na sexta-feira (15): RENT3 caiu 4,36 por cento e LCAM3 caiu 5,94 por cento, comparado ao tombo de 2,54 por cento no Ibovespa. Esperamos um impacto levemente negativo no curto prazo no preço das ações nesta segunda-feira (18) devido aos possíveis “remédios” do Cade para a aprovação da fusão.

Essa situação reflete o risco que os investidores atribuem à rejeição da transação pelo Cade. Para as empresas, naturalmente a fusão seria benéfica pelos ganhos de escala, fortalecimento do modelo de negócios, maior poder de barganha com montadoras e ampliação do acesso ao mercado de capitais, reduzindo o custo da dívida. Nosso cenário base continua a ser que a fusão irá se concretizar com remédios estruturais em alguns segmentos das empresas onde há maior sobreposição.

Em contrapartida, quando consideramos a dinâmica competitiva setorial, a notícia é positiva para os demais players, como a Movida. De fato, a empresa que resultaria da combinação entre Localiza e Unidas apresentaria elevado poder de mercado e poderia pressionar as tarifas praticadas sem afetar suas margens devido à sua maior escala. No entanto, a concorrência, em especial locadoras de médio porte, seriam duramente impactadas. Mesmo com seu maior tamanho, a Movida não escaparia ilesa, e provavelmente seria forçada a adquirir outros players para se manter competitiva.

Nesse sentido, nos últimos trimestres, a Movida tem se organizado para expandir por meio de aquisições e para preservar sua posição de mercado. Como ilustração dessa estratégia, a companhia anunciou a compra da gestora de frotas Vox por 89 milhões de reais, aumentando sua penetração no segmento. Os termos negociados foram atrativos para a Movida, pois o múltiplo EV / Ebitda implícito na transação, de cerca de 4 vezes, é baixo vis-à-vis os múltiplos com os quais as ações das empresas listadas do setor operam. A Vox vai adicionar aproximadamente 1,8 mil veículos à frota da Movida. Em 2019, seu EBITDA foi de 22 milhões de reais, equivalente a 3 por cento do EBITDA reportado pela Movida no mesmo período.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

Para ficar por dentro do universo dos investimentos de maneira prática, clique abaixo e inscreva-se gratuitamente!

e-eu-com-isso

Leia mais sobre essa fusão: Fusão da Localiza com a Unidas.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Hypera Pharma HYPE3
E eu com isso

Hypera (HYPE3): Resultado do 4T20

A companhia Hypera (HYPE3) divulgou seus números referentes ao quarto trimestre de 2020 na noite de sexta-feira (26). A líder do mercado farmacêutico apresentou resultados

Read More »
E eu com isso

Números da Berkshire Hathaway

A Berkshire Hathaway (BERK-A/BERK-B) apresentou no sábado (27), os seus resultados do quarto trimestre de 2020. Por se tratar de uma empresa de participações, os

Read More »
Commodities - E Eu Com Isso
E eu com isso

Commodities em alta

Apesar de o cenário para a economia brasileira não ser dos mais positivos, há alguns aspectos da economia internacional que permitem uma atitude mais otimista.

Read More »
reforma da previdência
E eu com isso

Agora vai

Após o adiamento da votação da PEC Emergencial na semana passada devido à inclusão de pontos polêmicos na proposta, Executivo e Legislativo fecharam acordo para

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel