Levante Ideias - Petrobras

Pré-sal já representa 70% da produção da Petrobras

Em comunicado divulgado ao mercado, a Petrobras (PETR3/PETR4) anunciou que sua produção realizada em 2021 ficou acima do centro da meta. A produção de óleo e LGN ficou em 2,22 MMbpd (milhões de barris por dia), atingindo sua meta para o ano que era de 2,21 MMbpd, podendo variar 4% para mais ou para menos. Consolidando a produção de óleo e gás, a produção realizada foi de 2,77 MMboed (milhões de barris de óleo equivalente por dia), acima da banda superior da meta, de 2,76 MMboed.

Como destaque de 2021, temos a produção própria da companhia no pré-sal, que atingiu 1,95 MMboed, representando 70% da produção total e um recorde para a companhia. Em 2020, a produção no pré-sal em relação ao total foi de 66%, ou 1,86 MMboed.

Outros pontos positivos do ano são: i) início da produção do FPSO Carioca, representando a primeira plataforma no campo de Sépia, no pré-sal da Bacia de Santos; ii) assinatura do acordo de coparticipação do campo de Búzios e iii) conclusão da venda de diferentes campos tanto offshore como onshore que ajudaram o atingimento da meta de alavancagem antes do previsto.

E Eu Com Isso?

Apesar dos problemas e riscos inerentes às estatais, como foi no caso da troca no comando da Petrobras em abril do ano passado, a petroleira brasileira viveu um 2021 muito bom. A companhia seguiu seu plano de desinvestimentos e foi muito beneficiada pela alta no preço do petróleo, que impulsionou seu fluxo de caixa.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Petrobras e Novonor protocolam pedido para a venda da Braskem.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.