petz eeci

Petz: Precificação do IPO

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Segundo informações de mercado a precificação da oferta pública inicial de ações (IPO) da Petz (PETZ3) ficou em 13,75 reais por ação, exatamente no meio de faixa de preços que ia de 12,25 a 15,25 reais por ação. A demanda teria superado a oferta em aproximadamente seis vezes.

De acordo com a fonte a oferta movimentou aproximadamente 3 bilhões de reais. Dessa forma, a expectativa é que tenham sido colocados à venda também os lotes adicionais e suplementares, aumentando a quantidade vendida pelo “WP XI Fundo De Investimento em Participações Multiestratégia”. Conforme prospecto, não houve aumento da oferta primária nesta estrutura de oferta.

Assim, a entrada líquida de recursos no caixa deverá ser de aproximadamente 324 milhões de reais, independente dos lotes adicionais/suplementares e considerando as comissões inerentes ao trâmite de aproximadamente 4 por cento. Os recursos serão destinados a: i) 85 por cento para abertura de lojas e hospitais; ii) 15 para tecnologia e digital.

Apesar de a demanda ter superado seis vezes a oferta, a definição dos preços na metade da faixa indica que os investidores consideraram o caso de investimento na Petz muito bom, mas com o preço um pouco salgado.

Segundo nossas projeções, a 13,75 reais por ação a Petz (PETZ3) chega valendo 5,1 bilhões de reais e negociando a cerca de 53 vezes o lucro de 2021. A 15,25 reais por ação a Petz (PETZ3) chegaria com múltiplo Preço/Lucro 2021 de quase 58 vezes. O múltiplo preço/lucro mais elevado que a média do mercado é explicado pelo alto potencial de crescimento dos lucros da empresa no futuro.

Na nossa avaliação a precificação da oferta quase 11 por cento abaixo do topo é positiva para os participantes e abre espaço para valorização das ações PETZ3 no curto prazo. Assim, embora o primeiro dia de negociações pós IPO de uma ação na bolsa seja algo bastante imprevisível, esperamos um dia positivo no preço das ações da PETZ3 nesta sexta-feira (11), data de estreia da Petz no mercado.

Temos uma visão construtiva para o investimento em Petz no longo prazo. Nós recomendamos a entrada no IPO pelos seguintes motivos: i) Forte demanda pelos seus produtos, pois o Brasil é a terceira maior população de cães e gatos do mundo; ii) exposição ao maior mercado consumidor de produtos para pets do Brasil (São Paulo); iii) mercado altamente fragmentado que possibilita a companhia ganhar participação de mercado seja através de crescimento orgânico ou aquisições; (iv) forte crescimento dos canais digitais (21,5 por cento das vendas no 2T20) e do uso da estratégia omnichannel e v) forte crescimento composto anual (CAGR) dos lucros de 37 por cento no período 2020-2030.

Junto ao comunicado oficial de preços, que até a manhã desta quinta-feira não havia sido divulgado, serão divulgados maiores detalhes da oferta, como por exemplo o provável rateio devido ao excedente de demanda observado no IPO.

As informações preliminares das corretoras indicam que o rateio na oferta com lock-up ficou em 32,11 por cento, enquanto na oferta sem lock-up ficou em 3,37 por cento. Ou seja, quem reservou o minimo de 3 mil reais com lock-up terá liquidado da sua conta apenas mil reais, aproximadamente, na próxima segunda-feira (14).

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Recomendado para você

Resultados da CVC

A CVC (CVCB3) apresentou nesta quarta-feira (30), após o fechamento do mercado, os seus resultados do 1T20. Como era de se esperar, os resultados vieram

Petrobras: STF decidirá sobre refinarias

Nesta quarta-feira (30) recomeça o processo de julgamento e votação dos ministros do Supremo Tribunal Federal a respeito da legalidade do processo de venda da

Risco fiscal e aumento da dívida pública

Na coluna de hoje, vou falar sobre a deterioração das contas públicas do Governo Federal, o aumento do déficit público, a consequente alta nas taxas

Fechar Menu

Fechar Painel