Levante Ideias - Latam

Novo financiamento da Latam

A companhia aérea Latam (OTC: LTMAQ) anunciou, na noite desta quarta-feira (29), que conseguiu mais um financiamento de até US$ 750 milhões como parte do plano de saída do Chapter 11 (Capítulo 11) da lei das falências dos Estados Unidos que a mesma precisou recorrer no ano passado.

Em de maio de 2020 e à luz dos efeitos da Covid-19 na indústria de aviação mundial, a Latam e suas afiliadas no Chile, Peru, Colômbia, Equador e Estados Unidos, entraram com um pedido coletivo de proteção voluntária nos termos do Estatuto de reorganização financeira do Chapter 11 dos Estados Unidos.

Segundo a companhia, o financiamento inclui as atuais parcelas A e C, nos valores de US$ 1,3 bilhão e US$ 1,15 bilhão, respectivamente, sendo que a companhia já utilizou 1,65 bilhão de tais parcelas.

A obtenção dos recursos se deu através da linha de crédito da parcela B do DIP Financing, que possibilitará à Latam levar seu custo de financiamento a melhores condições dentro do Chapter 11. A linha de crédito possui condições mais competitivas do que as linhas obtidas para as parcelas A e C, que possuem taxas mais elevadas.

E Eu Com Isso?

A notícia é positiva para a Latam (OTC: LTMAQ), visto que o processo de reorganização oferece à companhia a oportunidade de trabalhar com os credores e outros stakeholders para reduzir seu endividamento, acessar novas fontes de financiamento e continuar operando, ao mesmo tempo que permite adaptar seus negócios à nova realidade.

A Latam chegou a reduzir suas operações em até 95% em decorrência da pandemia, encerrando o exercício de 2020 com um prejuízo líquido de US$ 4,54 bilhões.

Ainda segundo Ramiro Alfonsín, vice-presidente financeiro da Latam, a companhia tem recebido diversas ofertas de investidores para se juntar ao processo do Chapter 11, o que poderá possibilitar que a Latam acesse melhores condições de financiamento.

Ademais, a Azul (AZUL4) estaria esperando a Latam apresentar seu plano de recuperação para propor acordo com os credores do grupo no Chile, além de tentar adquirir as operações da Latam Brasil.

A Azul chegou, inclusive, a manifestar sua intenção de adquirir toda a operação ou até mesmo criar uma joint venture com a operação no Chile.

A Latam nega interesses em tais negociações com a Azul, com quem chegou a fechar um acordo de compartilhamento de voos com a companhia, mas que foi encerrada rapidamente.

Em relação sobre uma possível fusão com a Azul, o presidente da Latam Brasil, Jerome Cadier, diz não enxergar a consolidação do setor como uma solução viável neste momento.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

e-eu-com-isso

Leia também: Latam pede mais prazo para recuperação judicial.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Bitcoin - Levante Ideias de Investimentos
E eu com isso

Bitcoin dispara com ato falho da SEC

Sigmund Freud (1856-1939) foi o criador da psicanálise. Essa técnica procura resolver problemas psíquicos, como ansiedade e depressão, analisando o que as pessoas dizem. Um

Read More »
Levante Ideias - Congresso Nacional
E eu com isso

Passivo bilionário

Com a tramitação acelerada na Câmara e expectativa de votação – e aprovação – na próxima semana, a Proposta de Emenda à Constituição 23/2021, que

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.