(Fonte: Divulgação)

Mudanças no Plano Mais Brasil

O governo deve mudar sua estratégia para conseguir promover a agenda do Plano Mais Brasil, enviada no fim do ano passado ao Congresso. A proposta era composta por três Propostas de Emenda à Constituição (PECs): a PEC Emergencial, a PEC do pacto federativo e a PEC dos fundos públicos.

A PEC do pacto federativo tinha semelhanças com a PEC emergencial, mas – à época – imaginava-se que o primeiro projeto teria uma tramitação mais lenta do que o segundo, respectivamente. Com o início da tramitação no Senado, o líder do governo, Fernando Bezerra (MDB-PE), imaginava que as três medidas estariam aprovadas já em meados de julho deste ano. O coronavírus e a falta de uma articulação maior do governo frustraram os planos.

Com os planos frustrados, o Planalto vai abandonar a PEC Emergencial e reformulará a PEC do Pacto federativo, unificando os dois temas em um texto só, de modo mais enxuto e sem a presença de medidas mais controversas. Já a PEC dos fundos públicos, cuja tramitação é a mais avançada, deve ser retomada em agosto. O governo esperava arrecadar cerca de 220 bilhões de reais com a extinção de fundos, mas as negociações desidrataram o projeto e montante, agora, gira em torno de 130 bilhões.

Diz o ditado que o ótimo é inimigo do bom. Por um lado, haverá mudanças mais profundas nos textos e o desenho inicial do Plano Mais Brasil, idealizado por Guedes e sua equipe, deve ficar distante da nova realidade. Por outro, as mudanças das PECs devem torná-las viáveis diante de um calendário mais enxuto. A retirada de pontos polêmicos facilita a tramitação dos projetos. Será necessário ficar de olho no novo texto da PEC do pacto federativo e seu potencial de impacto fiscal, mas parece inevitável mudar a estratégia com o coronavírus no caminho – o pragmatismo, nesse caso, é um aliado da equipe econômica.

* Este conteúdo faz parte do nosso boletim diário: ‘E Eu Com Isso?’. Todos os dias, o time de analistas da Levante prepara as notícias e análises que impactam seus investimentos. Clique aqui para receber informações sobre o mercado financeiro em primeira mão.

Leia também: Guedes de olho na agenda pós-pandemia

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Recomendado para você

Artigos

BTG compra corretora Necton

Na onda de consolidação do mercado em busca de capturar o número crescente de CPFs na bolsa, o BTG Pactual fechou a aquisição da Necton

Read More »
Política Sem Aspas

O desafio do teto – parte II

Na primeira parte dessa dupla de textos, concentrei-me em elencar e dissertar acerca das principais regras fiscais em voga hoje no Brasil. Naquela ocasião, deixei

Read More »
Artigos

Política acima de tudo!

O mercado vive uma certa trégua em relação à volatilidade mais acentuada de algumas semanas atrás. Discussões importantes foram adiadas para depois das eleições. Quem

Read More »
tipos de ações da bolsa de valores
Artigos

Empresas preparam IPOs

Nas últimas semanas, o número de prospectos de IPO protocolados na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aumentou em quase dez, com as companhias “aspirantes” ao

Read More »
Fechar Menu

Fechar Painel