Donald Trump, ex-presidente americano

Impeachment de Trump – 25/09

Impeachment de Trump

Em meio ao dia agitado de ontem, mais uma bomba veio do exterior. A presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi (Dem.), anunciou oficialmente a abertura de inquérito de impeachment do presidente Donald Trump.

A motivação do processo se deve pelo fato de que uma fonte da Casa Branca, não identificada, teve acesso à conversa e confirmou que Trump teria pressionado o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, a investigar o filho de Joe Biden, vice de Obama e candidato à Presidência em 2020. Segundo fontes do próprio governo, o presidente teria pedido a seu chefe de gabinete para segurar milhões de dólares destinados a auxílio militar na Ucrânia como parte da estratégia. Trump admite a paralisação das transferências (declaração que pesou bastante para os democratas respaldarem o impeachment), mas nega que tal fato esteja relacionado com Biden.

A Casa Branca já planeja sua defesa e deve soltar, hoje, a transcrição completa e na íntegra das conversas de Trump e Zelensky. Além disso, é esperada hoje uma queixa do “dedo-duro” do governo, esclarecendo melhor os fatos. De qualquer modo, o processo de impeachment já começou, sendo a próxima fase a de investigação e apuração do inquérito por seis comitês convocados por Pelosi. Ainda não está claro como se enquadra nas violações constitucionais o crime cometido por Trump, mas o enredo, basicamente, é que um presidente precisa ser responsável (accountable) e não cabe a ele interferir para que um país estrangeiro possa influenciar nas eleições que estão por vir.

Após as investigações, se a Câmara dos Representantes concluir que há motivos sólidos para o impeachment, o comitê jurídico da casa vai apresentar os artigos do impeachment (que ferem a constituição americana). Assim, a casa vota e precisa de maioria simples (50%+1) para que o impeachment siga para o Senado dos EUA. Lá, haveria outra votação, que demandaria dois terços dos votos da casa para finalmente destituir Trump.

E Eu Com Isso?

Hoje, as expectativas são altas para a transcrição prometida por Trump. Ainda há muitos pontos soltos nessa história e que podem mudar a percepção de deputados e senadores; democratas e republicanos sobre o impedimento do presidente. Sem sombra de dúvidas, é mais uma variável que aumenta a tensão global – no entanto, ainda é cedo para estabelecer quaisquer probabilidades do impeachment ocorrer, mas de qualquer forma é baixa. Vale lembrar que a Casa dos Representantes tem maioria democrata, mas o Senado é de ampla maioria republicana.  

Leia também: Bolsonaro polariza e perde popularidade

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Empresa Vale
E eu com isso

Vale (VALE3): Resultado do 4T20

Na noite desta quinta-feira (25), a mineradora Vale divulgou seus resultados referentes ao 4T20 e do ano consolidado de 2020. A divisão de minério de

Read More »
Localiza - E Eu Com Isso - Levante
E eu com isso

Localiza (RENT3): Resultado do 4T20 

A companhia Localiza (RENT3) divulgou seus números referentes ao quarto trimestre de 2020 na noite de quinta-feira (25). A companhia apresentou resultados sólidos, com lucro

Read More »
Selic
E eu com isso

A Selic sobe em março?

Fevereiro se encerra com incertezas e questionamentos. A principal incerteza é a trajetória da taxa de juros. Em pouco menos de três semanas, nos dias

Read More »
E eu com isso

Números da Salesforce

A Salesforce (CRM) apresentou nesta quinta-feira (25), após o fechamento dos mercados, os seus resultados do quarto trimestre do ano fiscal 2021, o que equivale

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel