Levante Ideias - Esplanada

Guerra de convocações

Instalada nesta terça-feira (27) e foco das atenções do mundo político, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado Federal deve definir, na manhã desta quinta (29), seu plano de trabalho e estabelecer um cronograma inicial de convocação para depoimentos.

Nesse sentido, a sessão será marcada por uma guerra de convocações de ambos os lados – da parte governista, o objetivo é convocar vários governadores, em especial aqueles considerados adversários do governo federal. Do lado do G7 (bloco de senadores independentes ou declaradamente de oposição ao governo), o plano é convocar ex-ministros da Saúde e usar o caso recente do ministro da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, que tomou a vacina supostamente escondido do Planalto.

Foram apresentados 260 requerimentos de informação, documentos e pedidos de depoimentos. Na lista de convocações dos governistas, estão nomes como os governadores João Doria (PSDB-SP), Rui Costa (PT-BA), Hélder Barbalho (MDB-PA) e Wilson Lima (PSC-AM), além de figuras relevantes como o médico infectologista e coordenador do comitê de saúde de São Paulo, David Uip, e o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante). Ademais, o grupo aliado a Bolsonaro também apresentou requerimentos para coletar informações sobre o uso de verbas federais nos 26 estados e no Distrito Federal, assim como atualizações sobre quaisquer investigações relativas à aplicação destes montantes nos entes subnacionais.

Por outro lado, o G7 já tem articulado com os líderes da Comissão para convocar desafetos e ex-membros do governo. Em cronograma prévio discutido na noite desta quarta (28) entre o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), o vice-presidente, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), e o relator Renan Calheiros (MDB-AL), está prevista a convocação, já na semana que vem, dos ex-ministros da Saúde do governo Bolsonaro, assim como o atual chefe da pasta, Marcelo Queiroga e o presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres. Um pouco mais adiante, a ideia é trazer o ex-secretário de Comunicação Social, Fábio Wajngarten e outros assessores especiais da Presidência.

E Eu Com Isso?

Nestes primeiros dias de funcionamento da Comissão, o que se percebe é um tom firme adotado pelo presidente e pelo relator da CPI, muito provavelmente em retaliação à manobra frustrada que tentou impedir a nomeação de Renan Calheiros para a relatoria.

A convocação de ex-ministros da Saúde logo na primeira semana é uma derrota para o governo, que tenta virar o jogo jogando os holofotes para Estados e municípios. Com minoria na comissão, (4 de 11 senadores), porém, nem todos os requerimentos serão aceitos.

Investidores devem deixar os trabalhos da CPI e o pequeno revés do governo em segundo plano nesta quinta (29), em meio ao otimismo nas bolsas globais e início da temporada de resultados, mas acompanham de perto o desenrolar da comissão e seus efeitos políticos.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.

Para ficar por dentro do universo dos investimentos de maneira prática, clique abaixo e inscreva-se gratuitamente!

e-eu-com-isso

Leia também: O enrosco político na questão fiscal | Denise Campos de Toledo.

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Levante Ideias - Selic
E eu com isso

Até onde os juros podem subir?

Será uma surpresa gigantesca se o Copom (Comitê de Política Monetária) anunciar outra decisão nesta quarta-feira (04) a não ser uma elevação de 100 pontos-base

Read More »
Levante Ideias - Câmara dos Deputados
E eu com isso

Segundo parecer

Com um dia de atraso no cronograma inicialmente previsto, o deputado Celso Sabino (PSDB-PA) apresentou seu segundo parecer sobre o Projeto de Lei 2.337/2021, que

Read More »
Levante Ideias - XP Investimentos
E eu com isso

Resultados da XP do 2T21

A XP Inc (XP) apresentou, nesta terça-feira (03), após o fechamento do mercado, os seus resultados do segundo trimestre de 2021. A companhia já havia

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.