Domingo-de-Valor-1920x900pxl

O que são as vantagens competitivas Moats?

Na coluna de hoje no blog da Levante, falarei de vantagens competitivas das empresas utilizando o conceito de Moats, que em inglês quer dizer fosso (aquele dos castelos medievais). O fosso na verdade é uma metáfora para as barreiras de entrada que as empresas possuem em relação à concorrência.  (Para se cadastrar e receber os textos da minha coluna no seu e-mail todo domingo, é só acessar esse link).

O que de fato são os Moats?

Essa metodologia de Moat é muito utilizada pelo sábio de Omaha, Warren Buffet:

“Eu gosto de um negócio valioso como um castelo com um fosso ao redor dele. O duque encarregado do castelo precisa ser muito honesto e trabalhador, e o fosso pode ter crocodilos e tubarões que mantenham os competidores longe”.

A metodologia de análise através do Moat foi desenvolvida pela Morningstar, uma empresa americana de análise independente de empresas.

“Os moats econômicos representam vantagens competitivas duradouras que permitem às empresas proteger o seu valor e ter retornos sobre o capital acima da média”.

(O conteúdo original pode ser encontrado aqui).

Basicamente, existem cinco tipos de vantagens competitivas: ativos intangíveis (marca), efeito rede, custo de troca, vantagem de custo e escala eficiente.

Eu vou começar falando do efeito rede e irei utilizar exemplos práticos de empresas que possuem vantagem competitivas.

O que é o Efeito Rede?

O efeito rede é quando o valor de um serviço aumenta quando mais pessoas o utilizam, tanto novos quanto usuários existentes. Quanto maior o tamanho da rede, mais útil e valioso será o serviço para os clientes. Cada elo a mais na corrente aumenta o número de conexões exponencialmente.

Waze

Um exemplo do efeito rede e do poder da vantagem competitiva pode ser o aplicativo de trânsito e navegação Waze. Quanto maior for a quantidade de usuários conectados ao sistema, mais eficiente será o serviço.

“Junte-se aos outros motoristas em sua área e compartilhe informações de trânsito das vias em tempo real, fazendo todos economizarem tempo e combustível em seus deslocamentos diários.”

O Waze é a referência para sabermos o menor tempo e o melhor caminho para nos deslocarmos pela cidade. Existem outras aplicativos de navegação e trânsito, mas o Waze se consolidou como a referência e tem um número maior de usuários, uma excelente barreira de entrada para outros competidores.

Banco Itaú

Outra empresa que possui uma forte vantagem competitiva pelo efeito rede é o banco Itaú.

Quanto maior o número de clientes e agências que o banco possui, maior e mais ampla é a sua oferta de produtos/serviços bancários (por exemplo: conta corrente, cartão de crédito, seguros, empréstimos e investimentos).

A experiência do cliente é mais completa, o que faz com que ele tenha uma percepção de segurança maior em relação ao banco, pois um correntista do Itaú pode ter todas as suas necessidades de produtos e serviços atendidos pelo banco.

Destaco que o setor bancário brasileiro é muito concentrado, com quatro bancos (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Itaú e Bradesco) representando 72% de todos os ativos bancários no Brasil. Em outras palavras, é praticamente um oligopólio onde existe uma forte barreira de entrada para concorrentes, nacionais ou estrangeiros. 

Aumento da concorrência: corretoras e plataformas de investimento

Aumentou a concorrência no mundo dos investimentos, com corretoras independentes e plataformas de investimento oferecendo produtos variados e “roubando” recursos dos aplicadores de outros bancos, principalmente para fundos de investimento com taxas de administração mais atraentes para os clientes. A queda da taxa de juros, a Selic, fez com que os investidores prestassem mais atenção às taxas de administração cobradas pelos bancos. Com isso, alguns bancos passaram a distribuir fundos de outros gestores e reduziram as taxas de administração (antes chegavam facilmente a absurdos 3% ao ano num fundo DI!).

Com a aquisição da corretora XP, o banco Itaú aumentou ainda mais o seu efeito rede, pois a partir de agora, o investidor/cliente pode investir em produtos de investimentos (como por exemplo: CDB’s e fundos de investimentos) de outras administradoras de recursos ou instituições financeiras. A plataforma da XP utiliza o conceito de “supermercado financeiro”, com uma oferta muito mais ampla de produtos financeiros do que os bancos tradicionais.

Com a aquisição da XP, o Itaú aumentou a sua vantagem competitiva proveniente do efeito rede, pois tem uma oferta mais ampla de produtos financeiros e consolida ainda mais a sua posição como o maior banco/instituição financeira do país.

Quanto mais conexões (clientes) e mais ampla a oferta de produtos, maior é o Moat do Itaú em termos de efeito rede, mais forte é a vantagem competitiva e mais barreira de entrada existe. Esse é um dos principais pilares do alto retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) do banco Itaú.

Na próxima coluna, falarei de outras fontes de Moat: escala eficiente e vantagem de custo – pois geralmente estão juntos e estão relacionados à custos de produção e rede de distribuição.

Minha missão é te ajudar a entender mais sobre Value Investing e análise fundamentalista de empresas. Por isso, continue acompanhando a minha coluna e não esqueça: se você ficou com alguma dúvida, é só mandar um e-mail para o endereço eduardo.guimaraes@levante.com.br.

Conte comigo e até breve!

Um grande abraço,
Eduardo Guimarães

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Recomendado para você

Política Sem Aspas

O desafio do teto – parte II

Na primeira parte dessa dupla de textos, concentrei-me em elencar e dissertar acerca das principais regras fiscais em voga hoje no Brasil. Naquela ocasião, deixei

Read More »
Artigos

Política acima de tudo!

O mercado vive uma certa trégua em relação à volatilidade mais acentuada de algumas semanas atrás. Discussões importantes foram adiadas para depois das eleições. Quem

Read More »
tipos de ações da bolsa de valores
Artigos

Empresas preparam IPOs

Nas últimas semanas, o número de prospectos de IPO protocolados na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aumentou em quase dez, com as companhias “aspirantes” ao

Read More »
Artigos

Resultados da WEG

A Weg (WEGE3) apresentou nesta quarta-feira (21), antes da abertura dos mercados, os seus resultados referentes ao 3T20. Os números vieram bons e acima das

Read More »
Fechar Menu
Fechar Painel