Gigantes da Bolsa: análise dos resultados do 3T20

Na coluna de hoje analisarei os resultados do terceiro trimestre de 2020 de grandes empresas listadas na Bolsa, de diversos setores. Pretendo mostrar o crescimento dos lucros no trimestre e nos nove primeiros meses de 2020.

A temporada de resultados do terceiro trimestre de 2020 está a pleno vapor, com as principais empresas do Ibovespa mostrando os seus resultados referentes ao período de julho a setembro de 2020 (Petrobras, Vale, Bradesco, Ambev, Gerdau, CSN, Vivo, Weg, Santander, Localiza, Unidas, Pão de Açúcar, Klabin, Multiplan, Hypera e Cielo).

 

O resultado foi bom? A ação vai subir ou cair?

Esta é a principal pergunta a ser respondida ao analisarmos o resultado de uma empresa no curto prazo. Tentar prever o que vai acontecer com o preço das ações da empresa é o chamado call (opinião). Eu costumo dizer para a minha equipe de analistas: “Sempre existe uma chance de 50 por cento de acertar o call: a ação pode subir ou descer”.

 

Projeção de crescimento de lucro das empresas na Bolsa

A projeção de lucro de todas as empresas na Bolsa (Ibovespa), exceto Vale e Petrobras, é de queda de 33 por cento ao ano em 2020, devido aos efeitos da pandemia com queda esperada entre 4 por cento-5 por cento no produto interno bruto (PIB).

A projeção de crescimento de lucros das empresas, exceto Vale e Petrobras, é de 12 por cento em 2021 em relação a 2019, uma recuperação considerável depois da forte queda do lucro em 2020.

O lucro das empresas é o principal catalisador para os preços das ações, e o múltiplo de avaliação mais utilizado no mundo dos investimentos é a relação preço/lucro. Uma conta simples que divide o valor de mercado das empresas pelo seu lucro líquido anual.

 

Análise dos resultados do terceiro trimestre de 2020

Agora irei analisar os resultados de um conjunto de 16 empresas na Bolsa (todas fazem parte do Ibovespa, exceto a Unidas). Na tabela abaixo eu mostro o crescimento do lucro líquido no terceiro trimestre e de janeiro a setembro de 2020, em comparação com o mesmo período de 2019.

Eu ressalto que o setor de commodities distorce bastante o lucro devido à variação cambial e à oscilação nos preços do petróleo e do minério de ferro.

 

Lucro líquido grandes empresas da B3

O lucro das empresas na Bolsa nos nove meses de 2020 (exceto Petrobras, CSN e Klabin) apresentou redução de 25 por cento em relação ao mesmo período de 2019. O aumento anual nos lucros foi de 35 por cento no terceiro trimestre de 2020.

 

Comportamento dos preços das ações após os resultados

Irei agora analisar o comportamento do preço das ações das empresas logo após a divulgação dos seus resultados do terceiro trimestre de 2020.

 

Desempenho das ações das empresas após os resultados do 3T20

Cinco empresas entregaram resultados melhores do que o esperado: Unidas, Klabin, CSN, Petrobras e Vale. Suas ações tiveram um desempenho positivo logo após a divulgação dos resultados. O preço apresentou desempenho bem superior ao Ibovespa, com valorização de 4 por cento, 3,2 por cento, 5,2 por cento, 3,3 por cento e 2,9 por cento, respectivamente.

Por outro lado, cinco empresas entregaram resultados fortes e acima do esperado: Weg, Gerdau, Santander, Localiza e Bradesco, mas o desempenho das ações foi negativo logo após a divulgação dos resultados. As ações tiveram desempenho bem inferior ao do Ibovespa, com quedas de 6,2 por cento, 5,9 por cento, 4,7 por cento, 3,2 por cento e 1 por cento, respectivamente.

Mais uma vez o resultado da Cielo decepcionou, com queda acumulada de 82 por cento no lucro líquido nos nove primeiros meses de 2020. As ações da Cielo apresentaram queda de 12 por cento logo após a divulgação dos resultados, desempenho bastante inferior ao Ibovespa com queda de 4,25 por cento.

 

Como explicar a queda no preço das ações?

A resposta é meio óbvia, mas as ações sobem quando o resultado é mais forte do que o esperado e caem quando o resultado é inferior às expectativas.

Tudo na vida é a gestão de expectativas, e uma definição de felicidade é simples: “quando a realidade supera as expectativas”.

Quando o resultado de uma empresa vem muito diferente do esperado, o mercado revisa (para cima ou para baixo) as projeções para o futuro, como por exemplo o lucro líquido.

 

Sobe no boato, cai no fato

Existe também o “sobe no boato, cai no fato”, ou seja, as ações das empresas têm desempenho positivo antes do resultado, antecipando um crescimento de lucro, mas depois as ações acabam caindo a empresa divulga os seus resultados. Acredito que foi o caso de Weg e de Santander.

Vale destacar que o dia 28 de outubro foi bem negativo para o Ibovespa, com queda de 4,2 por cento devido a temores de uma segunda onda de contaminação da Covid-19 na Europa.

Dessa forma, algumas empresas que divulgaram resultados fortes e acima das expectativas, caso de Gerdau, acabaram tendo desempenho negativo no preço das ações.

 

Earnings momentum

Essa expressão quer dizer quando os resultados de uma empresa estão em crescimento ou em declínio. Existem empresas que, por vários trimestres consecutivos, entregam resultados superiores ao esperado. O exemplo mais recente é a Magazine Luiza e, antes dela, Localiza. Pode-se dizer que as empresas de varejo eletrônico e as fintechs estão com um bom earnings momentum.

O valor das empresas aumenta quando as projeções de lucro são revisadas para cima após resultados acima das expectativas.

 

Conclusão

A temporada de resultados do terceiro trimestre de 2020 mostrou que o lucro líquido das empresas recuperou-se com força em relação ao segundo trimestre de 2020, auge da quarentena da pandemia da Covid-19.

Entretanto, a queda acumulada no lucro líquido das empresas é de 25 por cento nos nove primeiros meses de 2020 em relação ao mesmo período de 2019.

Acredito que o quarto trimestre de 2020 vai continuar na trajetória de recuperação do lucro líquido das empresas, com a reabertura da economia e a volta ao normal da vida das empresas e dos consumidores.

O caminho para o crescimento dos lucros ficou mais livre com a retomada da economia, aumento do faturamento das empresas com melhoria de margem operacional e resultado financeiro menos negativo.

A projeção de lucros futuros de uma empresa é muito importante para determinar se uma empresa está cara ou barata, através do múltiplo preço/lucro.

Por último acredito que as small caps, que tem valor de mercado e liquidez menores, podem apresentar crescimento ainda mais forte nos lucros em 2021.

Abraços,
Eduardo Guimarães

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Logo Gestora Pátria
E eu com isso

Gestora Pátria avalia IPO

Uma das maiores gestoras de Private Equity brasileiro, o Pátria, avalia uma abertura de capital (IPO) na B3. A listagem seria um meio de saída

Read More »
E eu com isso

 O avanço das vacinas

Gradualmente, o que era uma esperança transforma-se em realidade, e a perspectiva de uma vacinação em massa contra do coronavírus passa a ficar mais próxima.

Read More »
E eu com isso

Leilão da CEB

Na sexta-feira (04) vai ocorrer o leilão para privatização da Companhia Energética de Brasília, também conhecida como CE. Nele será vendida a subsidiária CEB-D, responsável

Read More »
E eu com isso

Reeleição no Congresso

Conforme previsto, foi só as eleições municipais chegarem ao fim para que Brasília voltasse suas atenções para as eleições das Mesas Diretoras da Câmara e

Read More »

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.

Fechar Menu

Fechar Painel