Levante Ideias - Domingo de Valor

Bolsa fecha a semana em queda: acabou o rali do Ibovespa? | Domingo de Valor

Podemos dizer que o Ibovespa pregou uma peça nos investidores brasileiros no dia 1° de abril.

Isso porque após fechar o primeiro pregão do mês em alta de 1,31 por cento, aos 121.570 pontos, o principal índice de ações da Bolsa brasileira começou a dar sinais de desaceleração, e engatou uma dura sequência de perdas.

São muitos os motivos para o desempenho negativo da Bolsa no mês, e, infelizmente, boa parte dos fatores que pressionaram o Ibovespa para baixo nos últimos dias não devem sair do radar dos investidores tão cedo.

No cenário internacional, a disparada da inflação nas principais economias do planeta, especialmente nos Estados Unidos, alimenta as apostas em uma aceleração do aperto monetário que vem sendo conduzido pelos bancos centrais.

Nos EUA, a inflação avançou 1,2 por cento em março, acumulando alta de 8,5 por cento em 12 meses – a maior para o período desde 1981.

Além disso, o mercado repercutiu as recentes declarações do presidente Vladimir Putin, que disse que as negociações entre Rússia e Ucrânia teriam chegado a um “beco sem saída”.

Dessa forma, o conflito deve perdurar por tempo indeterminado na porção oriental da Ucrânia, onde estão situadas as regiões separatistas de Donetsk e Luhansk, apoiadas pela Rússia.

Sem perspectiva de cessar-fogo, os preços das commodities devem seguir pressionados diante do risco de imposição de novas sanções à Rússia, especialmente no setor de óleo e gás.

Já no cenário doméstico, a inflação também gera preocupação entre os investidores, que temem uma ampliação do ciclo de alta dos juros iniciado pelo Banco Central em março do ano passado.

Desde então, a Selic saiu de 2 por cento ao ano para 11,75 por cento ao ano – e deve subir ainda mais. Com os juros em alta, o cenário se torna mais desafiador para varejistas e empresas em crescimento ou muito alavancadas.

Além disso, com as eleições de outubro se aproximando, o cenário político deve trazer cada vez mais incerteza para a Bolsa.

Tendo isso em mente, é importante não depender exclusivamente das tradicionais estratégias de longo prazo se você quer obter bons resultados na Bolsa.

Em períodos de alta volatilidade, a diversificação é uma ótima ferramenta não apenas para proteger o seu patrimônio, mas também para buscar ganhos no curto prazo.

E existe uma classe de ativos que pode te oferecer ganhos tanto quando a Bolsa sobe quanto quando ela cai. Trata-se do investimento em opções!

Enrico Cozzolino, Head de Análise aqui na Levante e TOP 3 Trader do mercado brasileiro em rentabilidade, acaba de gravar um vídeo extraordinário para todos os investidores.

Enrico tem uma nova tese para o mercado, e quem souber usá-la pode conquistar ganhos multiplicadores no curto prazo.

O seu vídeo especial se chama “3 caminhos para o SEU dinheiro.”

>> Clique aqui para assistir ao vídeo e aproveitar essa oportunidade <<

 

Tenha um ótimo domingo,

Equipe Levante

O conteúdo foi útil para você? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Recomendado para você

Ajudamos você a investir melhor, de forma simples​

Inscreva-se para receber as principais notícias do mercado financeiro pela manhã.