Bolsa aos 178 mil pontos

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O Ibovespa bateu sucessivos recordes históricos nos últimos dias e ultrapassou os 108 mil pontos, com valorização de 23,1 por cento em 2019. A pergunta de um bilhão de dólares é: até quanto o Ibovespa pode subir?

A minha resposta é que o momento está bastante oportuno para investir na bolsa de valores. O Ibovespa está barato, pois nossa estimativa é que o índice esteja ao redor dos 180 mil pontos até o fim de 2021.

Pretendo mostrar nesta coluna como cheguei a essa estimativa para o Ibovespa no fim de 2021 por meio de dois cálculos distintos.

Razões para meu otimismo com a Bolsa

Estou otimista com a renda variável devido a cinco fatores: 1) melhora de classificação de risco do Brasil (re-rating); 2) virada no ciclo econômico; 3) aumento da alocação em ações, com o fim da “cultura do CDI”; 4) aumento do fluxo de recursos de investidores estrangeiros; 5) crescimento do lucro das empresas.

Acredito que os quatro primeiros fatores já estão precificados pelo mercado, com a recuperação do grau de investimento do Brasil prevista para o segundo semestre de 2020.

O que não está no preço das ações na Bolsa?

Acredito que o crescimento do lucro das empresas não está refletido no preço das ações do Ibovespa.

Com a virada de ciclo econômico, o faturamento das empresas deverá aumentar, em um ambiente de margens operacionais maiores e de queda nas despesas financeiras, devido à taxa de juros mais baixa. Neste cenário, o lucro das empresas deverá crescer bastante com o crescimento do PIB.

Chamo este aumento nos lucros de “efeito mola”. O resultado das empresas estava muito comprimido devido ao baixo nível da atividade econômica. E acredito que esse efeito mola do crescimento do lucro das empresas não está precificado corretamente no Ibovespa.

O lucro das empresas é o principal catalisador para os preços das ações. E, com exceção da Vale e da Petrobras, o lucro deverá crescer cerca de 20% ao ano em 2019 e 2020.

Múltiplos preço/lucro do Ibovespa

Basicamente, o preço das ações na bolsa de valores responde a duas variáveis: o lucro das empresas e o múltiplo preço/lucro (P/L) que os investidores estão dispostos a pagar.

O múltiplo preço/lucro (P/L) é obtido pela divisão do valor de mercado de uma empresa por seu lucro anual em um determinado período.

O múltiplo preço/lucro do Ibovespa é calculado da seguinte forma: soma do valor de mercado de todas as empresas que fazem parte do índice dividido pela soma dos lucros das empresas no período.

O Ibovespa (sem considerar Petrobras e Vale) está sendo negociado a um múltiplo preço/lucro de 13,6x em 2019, um pouco acima da sua média histórica de 12,7x, com desvio padrão de 1,8x.

Cálculo do preço justo do Ibovespa através do P/L

Uma forma de se estimar o preço justo do Ibovespa ao fim de cada ano é usar o múltiplo preço/lucro (P/L).

Assim, irei utilizar a soma da projeção dos lucros de todas as empresas do Ibovespa (exceto Petrobras e Vale) e estimar qual seria seu preço/lucro justo ao fim de 2020 e 2021.

Com a volta do grau do investimento, a aprovação das reformas e a volta do fluxo dos investidores estrangeiros, acredito que o múltiplo preço/lucro justo do Ibovespa pode atingir 14,5x em 2020 e 16,3x em 2021.

Cheguei nesses números ao considerar a média de 13,7 vezes acrescida de um desvio padrão em 2020 e dois desvios padrões acima da média em 2021.

Assim, o preço justo do Ibovespa com base no crescimento anual de lucros de 20 por cento é de 137.091 pontos em 2020 e de 184.931 pontos em 2021.

Portanto, o potencial de valorização é de 27 por cento em 2020 e de 35 por cento em 2021.

Ibovespa em dólar

O investidor estrangeiro, porém, enxerga o Ibovespa de outra maneira: em dólar.

O Ibovespa em dólares está atualmente em 27.049 pontos, bastante distante do seu topo histórico, 44.200 pontos, registrado em maio de 2008. Naquele momento, o Ibovespa em reais estava em 73.526 pontos.

Só para ilustrar: se o Ibovespa voltar ao valor máximo em dólares atingido em 2008 (antes da crise imobiliária nos EUA), o seu valor em reais seria de 176.800 pontos, um potencial de valorização de cerca de 63 por cento, considerando uma taxa de câmbio de 4,00 reais por dólar.

Importante ressaltar todas as premissas utilizadas neste cálculo: projeção de crescimento de lucros das empresas, múltiplo preço/lucro do Ibovespa e taxa de câmbio.

Conclusão

O meu cálculo de preço justo do Ibovespa para o fim de 2021 apontou para o intervalo de 176.800 a 184.931 pontos, utilizando duas formas de calculá-lo: por meio do múltiplo do preço/lucro e do Ibovespa em dólar.

Reconheço que o cenário é otimista quando se considera que a melhora da classificação de risco do Brasil é tão grande que justifica que o preço/lucro do Ibovespa fique dois desvios padrões acima da média histórica.

Entretanto, a menos que aconteça uma crise internacional grave (lembrando que o momento atual é de alta dos juros nos EUA, guerra comercial entre EUA e China e desaceleração econômica global), acredito que o momento é bem favorável para o Brasil e, consequentemente, para o Ibovespa.

Ganhe acima da média

Uma maneira de potencializar os ganhos na Bolsa de Valores é investir em Small Caps.

Veja só o que aconteceu em 2019 até aqui. Desde janeiro, o índice de Small Caps (SMLL) acumula alta de 34 por cento, contra 22 por cento do Ibovespa.

Acredito que as Small Caps devem seguir performando acima do índice Ibovespa no curto e no médio prazos.

E, como vocês puderam ver no texto, espero por uma alta em torno de 30 por cento para o Ibovespa em 2020 e 2021. Para Small Caps, o cenário pode ser até melhor – é um perfil de empresa muito promissor para os investidores.

Não sei se você sabe, mas conduzo uma série de investimento focada em Small Caps. E, como de hábito, vou deixar um cupom com 30 por cento de desconto para os leitores do Domingo de Valor.

Será o BOLSA108, em lembrança ao novo recorde histórico do Ibovespa.

Para aproveitar, basta acessar a página de apresentação da série e colocar o cupom no lugar indicado.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Recomendado para você

Resultados da CVC

A CVC (CVCB3) apresentou nesta quarta-feira (30), após o fechamento do mercado, os seus resultados do 1T20. Como era de se esperar, os resultados vieram

Petrobras: STF decidirá sobre refinarias

Nesta quarta-feira (30) recomeça o processo de julgamento e votação dos ministros do Supremo Tribunal Federal a respeito da legalidade do processo de venda da

Risco fiscal e aumento da dívida pública

Na coluna de hoje, vou falar sobre a deterioração das contas públicas do Governo Federal, o aumento do déficit público, a consequente alta nas taxas

Fechar Menu

Fechar Painel